(ÁUDIO) Festa della Repubblica é aberta, oficialmente, em Brusque

No dia 02 de junho é comemorada a Festa della Repubblica na Itália. Trata-se da data mais importante para a história italiana, que marca a escolha da forma governamental do país após a Segunda Guerra Mundial e a queda do fascismo. 

Com sua forte colonização, Brusque também está comemorando os 76 anos de implantação do regime republicano na Itália com comemorações que ocorrem no período de 31 de maio a 05 de junho no Plaza Rivel. O local, inclusive, recebeu decoração típica, muito queijo e vinho, e músicas típicas com os cantores Deco Dalponte e Bruno Moritz. 

A abertura da programação, nesta terça-feira (31), contou com a presença do prefeito Ari Vequi e começou com a apresentação do livro “L’immigrazione italiana nel Sud di Santa Catarina”, ou “Colonia Azambuja”, escrito pelos autores Eusébio Pasini Tonetto, Idemar Ghizzo e Lenir Pirola. Falando em nome dos criadores da publicação, Ghizzo contou um pouco sobre a elaboração da obra e fez sessão de autógrafo com os presentes. 

Na sequência, foi reproduzido o documentário “A imigração italiana no Sul de Santa Catarina”, que mostra a situação dos antepassados de italianos migrando para o Brasil. 

A celebração da Festa della Repubblica em Brusque é uma promoção do Instituto Crespi e do Comitê dos Italianos do Exterior (Com.IT.ES), que incluiu a cidade nas ações futuras da entidade, conforme revela o membro do comitê, Newton Patrício Crespi. “Dia 16 de julho, Brusque receberá um dos primeiros encontros de comitês de fora da circunscrição na capital, e a primeira reunião dos conselheiros do embaixador também será na cidade”.

Segundo ele, a forte colônia de italianos na região é o fato motivador da vinda de eventos para Brusque. “Estamos conseguindo trazer bastante coisa e muitas novidades para os descendentes Italianos de Brusque e região. Em breve, acho que o pessoal não precisará mais se deslocar para Curitiba para fazer a cidadania para retirar o seu passaporte, que poderá ser feito em Florianópolis e Blumenau, e quem sabe daqui um tempo, em Brusque também”, projeta Crespi.

História

Durante os dias 02 e 03 de junho de 1946, foi realizado um referendo institucional para os italianos decidirem a forma governamental do país, após o fim da Segunda Guerra Mundial e a queda do fascismo. Com o resultado, o país saiu do regime monárquico para a República. Desde então, a data de 02 de junho é feriado nacional, considerada como o dia da República na Itália.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Homem agarra e tenta estuprar mulher em Brusque

Uma mulher foi vítima de uma tentativa de estupro na noite deste domingo (19) enquanto andava de bicicleta em Brusque. O suspeito do crime foi detido pela polícia. O crime ocorreu por volta das 18h. De acordo com a Polícia Militar, a mulher informou a guarnição que estava andando de bicicleta quando foi abordada por um homem de 38 anos. Ela foi arrastada para o quintal de uma residência. A vítima relatou que, lá, o homem passou a...
Continuar lendo...

Sinduscon comemora 32 anos de trajetória

O Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário de Brusque, Guabiruba, Botuverá e Nova Trento – Sinduscon reuniu na noite de terça-feira, 31 de maio, associados, autoridades e parceiros para solenidade alusiva aos seus 32 anos de trajetória, completados no último sábado, 28. O evento foi realizado no hall do Centro Empresarial Social e Cultural de Brusque. Fundado no dia 28 de maio de 1990, com o principal objetivo...
Continuar lendo...

Luciano Hang recebe título raro italiano e homenagem da Alesc

Na última semana, o dono da Havan, Luciano Hang, recebeu dois importantes reconhecimentos. Ele foi agraciado pela Presidência da República Italiana com o título de “Ordine della Stella d’Italia, Grado Cavaliere”. E, durante sessão solene da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), em comemoração aos 60 anos de emancipação político-administrativa de Guabiruba e Botuverá, foi homenageado pelo...
Continuar lendo...