(VÍdeo) Desacordo com realização de sessão solene gera mal estar na Câmara de Guabiruba

Vídeos

Desacordo com realização de sessão solene gera mal estar na Câmara

Um pedido para a realização de uma sessão solene da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), em Guabiruba, gerou um mal estar entre integrantes do Legislativo. Na última terça-feira (25), a possibilidade foi levantada pelo deputado estadual Vilmar Vicentini, durante sua participação na tribuna. A ideia do parlamentar era realizar o ato no dia 10 de Junho, aniversário do município. O pedido para que a Câmara recebesse a atividade, foi negado por conta da programação pré-existente na cidade.

Vicentini foi o primeiro guabirubense a assumir o posto de deputado estadual e participou da sessão para falar sobre possíveis recursos a serem destinados para a cidade. Foram sete mandatos como vereador e, que destaca a construção da Câmara no período, com um dos momentos marcantes no período.

O parlamentar se disse envergonhado com a negativa apresentada e a decisão também foi questionada por veredores, como Vilmar Gums. “É vergonhoso estar aqui sendo o dono, praticamente, da construção da Câmara municipal de Guabiruba e ver, assim, as pessoas cortarem o direito da gente vir aqui prestar uma sessão solene, homenagear as nossas pessoas”, alegou o deputado.

Segundo Vicentini, mesmo com a negativa da Câmara, a cidade vai receber a atividade, já discutida na Alesc e com convites e homenagens confeccionadas. A alegação do deputado é que, a realização da atividade, antes precisava ser aprovada pela Assembleia, para só então ajustada com o local que receberia a programação.

A versão apresentada por representantes do Legislativo local, indica que o pedido oficial só veio na tarde da própria terça-feira e a possibilidade iria duplicar eventos com a programação oficial. Na avaliação do presidente da Câmara, Cristiano Kormann, receber a sessão no dia também dificultaria a participação das autoridades locais.
"Respeitosamente respondemos que, no dia 10, existe uma vasta programação no município, já anteriormente apresentada e que não podemos ceder espaço para uma programação solene e, também, o município já tem uma sessão solene agendada para o dia 13”, afirmou.

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões