Jovem de Guabiruba está entre presos por golpes de mais de R$ 1 milhão

Uma jovem moradora de Guabiruba está entre os presos de uma quadrilha que, segundo a polícia, aplicava golpes pela internet a partir de Balneário Camboriú. Ela e mais três pessoas, uma mulher e dois homens foram presos no Leblon, no Rio de Janeiro, ontem, quinta-feira (12), durante a operação.

Ainda segundo a polícia, o grupo conseguiu mais de R$ 1 milhão fazendo vítimas através do crime.

A quadrilha utilizava a "deep web", campo da internet que não está acessível aos buscadores, para aplicar os golpes através de links falsos. Eles desviavam dados de internautas para acessar contas bancárias e cartões de crédito. Com isso, o bando desviava valores para contas de laranjas.

Nas redes sociais, os quatro ostentavam passeios em locais de luxo e vida de alto padrão.

A jovem moradora de Guabiruba estaria no Rio de Janeiro para trabalhos como modelo.

A informação é do jornal O Globo

Dúvidas ou Sugestões

Saúde altera estratégia para atendimento à Dengue e anuncia convênio com Azambuja

Em entrevista coletiva, nesta sexta-feira (20), representantes da Secretaria de Saúde anunciaram uma mudança no fluxo de atendimento para possíveis casos de dengue na cidade. Agora, as Unidades Básicas de Saúde passam a fazer o primeiro atendimento e triagem, sendo que os casos considerados mais graves terão atendimento específico no Hospital Azambuja.    O serviço começa a operar já na segunda-feira (23), com...
Continuar lendo...

Obras inicia implantação de tubulação na rua David Hort e demanda alterações no trânsito

Nesta terça-feira (17), a equipe da Secretaria de Obras vai iniciar a implantação de nova tubulação na rua David Hort, no bairro Dom Joaquim, próximo a MH Tinturaria. Serão colocados 81 metros de tubos de dois metros para vazão da água da chuva. Por este motivo, a partir das 6 horas, o trânsito para veículos ficará em meia pista e, em alguns momentos será interrompido totalmente. O trabalho na via deve...
Continuar lendo...

Acidente de trabalho deixa mulher com braço preso na máquina

Uma mulher de 38 anos ficou com o braço preso enquanto trabalhava em uma tecelagem na noite desta quarta-feira (18). O fato ocorreu na rua Pedro Keller, bairro Guabiruba Sul. De acordo com o relato do Corpo de Bombeiros, por volta das 20h54, uma guarnição se deslocou até lá, onde encontrou a vítima consciente e orientada, já com braço fora da máquina. Segundo os militares, havia suspeita de uma fratura exposta de...
Continuar lendo...