Havan conquista mais quatro prêmios com tecnologia RFID

A Havan acaba de conquistar mais quatro importantes reconhecimentos com a tecnologia de Identificação por Radiofrequência (RFID), desenvolvida pelo Havan Labs. Com o projeto é possível fazer a leitura com rapidez e precisão dos produtos na área de venda, depósitos e Centro de Distribuição. Entre os prêmios recebidos, estão o TOP ADVB/SC de Marketing e Vendas, o Prêmio Automação da GS1 Brasil e ainda, Painel Logístico Senai Morvan Figueiredo, em duas categorias.
 
Os prêmios


A 36ª edição do TOP ADVB/SC de Marketing e Vendas aconteceu na quinta-feira, 9, em Florianópolis (SC). A Havan foi finalista na categoria “Tecnologia”, com o case “RFID Havan: agilidade, precisão e confiabilidade dos nossos estoques”. Já na cerimônia da 23ª edição do Prêmio Automação da GS1 Brasil, realizada em São Paulo, na quarta-feira, 8, a Havan recebeu o reconhecimento na categoria “Aplicação de Mercado”, por implementar o Padrão GS1 EPC/RFID, para visibilidade e controle dos produtos nas lojas e depósitos, no projeto em parceria com a iTAG Tecnologia, Zebra Technologies e Hasar Brasil.
 
Os outros dois prêmios foram conferidos no Prêmio Painel Logístico Senai Morvan Figueiredo, também realizado em São Paulo (SP), no fim de novembro. Na oportunidade, a varejista foi destaque na categoria “Top Logística”, pela implantação de gestão de operações com a tecnologia RFID. E ainda, como “Profissional Destaque do Setor”, conferido ao gerente de desenvolvimento de sistemas do Havan Labs, Alexsandro Elói Venâncio.
 
Neste ano, a Havan já foi premiada em outras três ocasiões pelo projeto RFID. Venâncio enfatiza que todos esses reconhecimentos são reflexo da dedicação de todos para tornar o projeto realidade e principalmente, da observância da Havan sobre a viabilidade e benefícios que o RFID traria a empresa e fornecedores. “Fizemos um esforço conjunto para que o RFID se tornasse realidade. Esses prêmios são o reconhecimento de todo o trabalho realizado pelo time da Havan e fornecedores, que em unanimidade aderiram ao projeto e dispenderam todo esforço necessário para o sucesso do projeto”. 
 
O dono da Havan, Luciano Hang, comemora os prêmios e fala que são reflexo da dedicação de todo o time do Labs, dos colaboradores das lojas e dos fornecedores, que desde o início abraçaram o projeto. “O Labs, as lojas, os fornecedores e os parceiros aderiram com muita energia esse projeto. O RFID só dá certo, se o processo iniciar na ponta, quando os fornecedores já preparam os produtos que vem para nós. Agora estamos colhendo os frutos desse esforço coletivo e estamos muito felizes. Esses prêmios são da família Havan e dos fornecedores, que sempre estão pensando no melhor para o cliente”.
 
O projeto RFID


A tecnologia RFID foi desenvolvida internamente no Havan Labs e implementada em tempo recorde, apenas dois anos, em todas as 167 megalojas, Centro de Distribuição e 500 fornecedores. Entre os benefícios do RFID, está a velocidade e a exatidão nas leituras dos códigos de barra implantados nos produtos.
 
A tecnologia oferece precisão nas contagens e oportuniza que os inventários que levavam dias para serem feitos, sejam realizados em poucas horas. “Sem o RFID, levávamos cerca de 750 horas para fazer um inventário em uma loja. No setor de moda, por exemplo, precisávamos de 15 pessoas durante cinco noites para contar todos os itens. Hoje, o trabalho é feito por uma única pessoa, em poucas horas, com rapidez e total segurança dos dados. Há ganhos em controle das informações, no bem-estar dos colaboradores e até mesmo para os clientes, que são atendidos com ainda mais rapidez em suas demandas”, explica Venâncio.
 
Os ganhos do RFID também se aplicam para o controle do estoque e distribuição de produtos na área de venda. Sendo possível garantir a distribuição para as lojas de modo eficiente, diminuindo o estoque e gerando resultado em econômica para a empresa. “Com o RFID sabemos exatamente se determinado produto está na área de venda ou no estoque. Esse controle é fundamental para uma boa gestão logística” afirma.
 
A relevância da tecnologia RFID é tão grande, que empresas parceiras e fornecedores da Havan também a aplicaram em seus negócios. “Existe toda uma cadeia que vem sendo beneficiada. Os fornecedores também estão levando o RFID para os seus negócios. É muito interessante ver que algo que nasceu na Havan, está contribuindo para ganho em competitividade para várias empresas. Com certeza, isso nos enche de orgulho”, conclui.
 
PRÊMIOS RFID 2021
 
TOP ADVB SC de Marketing e Vendas: RFID HAVAN - Agilidade, precisão e confiabilidade dos nossos estoques;
 
Prêmio Automação da GS1 Brasil: Padrão GS1 EPC/RFID, para visibilidade e controle dos produtos nas lojas e depósitos, em parceria com a iTAG Tecnologia, Zebra Technologies e Hasar Brasil;
 
Prêmio Excelência Zebra Technologies: Case RFID;
 
Prêmio Painel Logístico SENAI Morvan Figueiredo 2021:
 
“TOP LOGÍSTICA” - Case Havan Implantação de Gestão de Operações com tecnologia RFID;
 
“PROFISSIONAL DESTAQUE DO SETOR” - Alexsandro Elói Venâncio - Gerente de Desenvolvimento de Sistemas do Havan Labs - Projeto: Implementação do projeto de identificação por radiofrequência (RFID) no varejo;
 
Prêmio Value Chain 2021: Liderança em Gestão de Operações, com a implantação do RFID;
 
15º RFID Journal Awards: melhor case de implementação do projeto de identificação por radiofrequência (RFID) no varejo.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Maurício Garcez se despede do Brusque para jogar em time da Bulgária

O Brusque Futebol Clube tem mais uma perda para o Campeonato Catarinense e Brasileiro série B. O atacante Garcez está sendo emprestando para um time da Bulgária. O contrato de Garcez com o Bruscão vai até o final de 2024. Segundo informações do narrador Rodrigo Santos o Brusque está emprestando Maurício Garcez para o CSKA da Bulgária, pelo período de 18 meses. A negociação foi comandada pelos...
Continuar lendo...

Morador que teve sala destruída por incêndio, agradece a comunidade pela ajuda

Na manhã desta quinta-feira (30), Fabiano Ricardo Butsch entrou em contato com a reportagem da Rádio Cidade, para agradecer a população que ajudou com doações, da reconstrução da sala de sua casa. A casa de Fabiano foi atingida por um incêndio na segunda-feira (27). Fabiano que é morador do bairro Alsácia, em Guabiruba, falou que desde do momento da matéria, o seu telefone não parou de tocar. Ele...
Continuar lendo...

78,8% das praias de Santa Catarina estão próprias para banho

O último relatório de balneabilidade do ano divulgado nesta quarta-feira (29), pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), mostra que 182 dos 231 pontos analisados estão próprios para banho no estado, ou seja, 78,8%. As análises são realizadas nos municípios de Balneário Camboriú, Balneário Barra do Sul, Barra Velha, Biguaçu, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Gov. Celso Ramos, Imbituba,...
Continuar lendo...