IBPLAN intensifica fiscalização a ambulantes na região central

Com o objetivo de coibir a comercialização de produtos de procedência desconhecida, a equipe de fiscalização do Instituto Brusquense de Planejamento (Ibplan) já intensifica o trabalho de vistoria na região central da cidade nas semanas que antecedem ao Natal. 

A ação, que passa a ser feita todos os dias, visa eliminar a presença dos ambulantes, especialmente os que se instalam nos passeios públicos e calçadas, prejudicando, assim, o deslocamento de pedestres nas vias, e ainda, os que abordam motoristas de veículos automotores nos semáforos, para vender produtos de origem incerta e sem nota fiscal, em concorrência desleal com os comerciantes legalmente estabelecidos na cidade. 

De acordo com o diretor-presidente do Instituto Brusquense de Planejamento (Ibplan), Leonardo Schmitz, a fiscalização ao comércio ambulante na região central da cidade é uma prática habitual, ocorre ao longo de todo o ano. Mas que nesta época acaba sendo reforçada. 

“A proximidade com o Natal, período em que os trabalhadores recebem 13º salário, férias, acaba sendo um atrativo e gera o aumento da prática ambulante, em especial, na região central, por isso a fiscalização é intensificada”, justifica. 

Segundo ele, na primeira abordagem a um novo ambulante, os fiscais o orientam. 

“Ele não pode ficar parado, ficar fixo no passeio público, comercializando seus produtos. Tem que circular pelas vias públicas”, explica. Quando o vendedor reincide, a mercadoria é recolhida, em ação conjunta com a Secretaria da Fazenda, que estabelece multa e condições para liberar os itens apreendidos.

O diretor-presidente do Ibplan afirma que a fiscalização ao trabalho ambulante ilegal tem, ainda, a função de proteger o cidadão. 

“Além de injusto com o comerciante legalmente estabelecido, que paga impostos, gera empregos e contribui para o desenvolvimento do município, o poder público também zela pela segurança da comunidade, em função do desconhecimento sobre a origem e procedência dos produtos, que podem, inclusive, ser produto de furtos e roubos”, avalia Leonardo Schmitz. 
  
Apesar do reforço nas próximas semanas, a fiscalização é uma atividade de rotina para a equipe do Ibplan. E pelo menos uma vez ao mês, ocorre operação conjunta dos fiscais do instituto com a Secretaria da Fazenda e a Polícia Militar. Na mais recente ação, realizada no início de novembro, 14 abordagens a ambulantes foram registradas.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Samae passará por estudo e mudanças administrativas

O novo diretor-presidente do Samae de Brusque, Willian Fernandes Molina, disse que as demissões de alguns cargos de confiança do Samae ocorreram por necessidade de ajustar a estrutura administrativa da autarquia. Entre eles a do ex-vereador Cleiton Bittelbrunn, que ocupava a função de diretor-geral. Outras podem vir a ocorrer nos próximos dias. Molina falou sobre o assunto e o que deve implementar em sua gestão à frente da pasta, que inicia no...
Continuar lendo...

Brusque tem 347 novos diagnósticos de covid-19

A Vigilância em Saúde confirmou 347 novos casos de Covid-19 em Brusque, nesta terça-feira (1º). O número é relativo às últimas 24 horas e faz parte do Boletim Epidemiológico . Com 1493 casos ativos, dos 36236 registrados, Brusque tem 27 pessoas em investigação. Atualmente, três pessoas estão internadas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 10 pacientes fazem tratamento em enfermaria hospitalar. O...
Continuar lendo...

Motociclista fica ferido após acidente, no Poço Fundo

Um jovem de 19 anos ficou ferido e foi hospitalizado após se envolver em um acidente de moto no bairro Poço Fundo. Na colisão, no início da tarde deste domingo (15), na rua Poço Fundo, ele teve apresentava suspeita de fratura fechada no fêmur e cortes em ambos os pés. Além disso, o condutor da Honda Titan, com placas de Brusque, indicava dores na perna esquerda e ombros, assim como suspeita de fratura neles e um corte região...
Continuar lendo...