Vereadores trocam farpas na tribuna da Câmara

O clima ficou tenso entre os vereadores Nick Imhof, do MDB, e André Vechi, do Democracia Cristã, na sessão desta terça-feira (30) da Câmara Municipal de Brusque. O motivo é um projeto de lei que está em tramitação, de autoria de Nick e de Ivan Martins ((DEM), mas que está parado há algum tempo na comissão de Constituição, Legislação e Redação, presidida por Vechi.

Na tribuna, Nick soltou o verbo e acusou o vereador do DC de insinuar que ele cometeu irregularidades ou estaria utilizando de influência política para obter vantagem e beneficiar imóveis da família.

"Equiparei com a rua do sítio da família dele, que ano passado ele pediu para fazer terraplanagem, limpeza de boca de lobo. Mostrei aqui e ele se sentiu chateado", disse Imhof.

O vereador André Vechi disse que as colocações feitas por ele se basearam em informações que recebeu de terceiros. "A informação de que, supostamente, teria havido abuso de poder político e econômico do Obras para beneficiar um ente privado", frisou para a reportagem.

As farpas entre os dois vereadores começaram a vir a público depois de um discurso feito por outro parlamentares, Ivan Martins. Em uma das sessões anteriores, ele foi à tribuna reclamar da forma como André estaria conduzindo o referido projeto, que altera a regra de nomeação de ruas.

Situação que agravou os ânimos após resposta de entidades empresariais que se mostraram em dúvida quanto ao projeto. Essas dúvidas surgiram exatamente ao serem procuradas por André e o vereador Rick Zanatta (Patriota), que buscavam apoio para que a proposta não avançasse mediante pressão das classes da sociedade civil organizada.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões