Ministério da Saúde reduz intervalo para doses de reforço e amplia público alvo de vacinação

O intervalo para a vacinação contra Covid-19 com a chamada dose de reforço foi reduzido, nesta terça-feira (16), pelo Ministério da Saúde de seis para cinco meses. A medida é válida para todas as pessoas com mais de 18 anos e abrange mesmo quem recebeu o imunizante da Janssen. 

Segundo o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, haverá doses suficientes para ampliar a vacinação. A estimativa é que 12,47 milhões de pessoas estejam aptas a receber a dose adicional. As aplicações ainda dependem de definição de cronograma de estados e municípios.

“Já tínhamos autorizado a aplicação desta dose de reforço, ou adicional, para todos aqueles que tinham tomado a segunda dose há mais de seis meses e que tivessem [mais de] 60 anos. Agora, graças às informações advindas dos estudos científicos realizados para avaliar a aplicação da terceira dose - e dos quais já temos dados preliminares -, decidimos ampliar esta dose de reforço para todos aqueles acima de 18 anos de idade que tenham tomado a segunda dose há mais de cinco meses”, disse o ministro.

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões