Doenças periodontais acarretam vários outros problemas de saúde, diz cirurgião

O cirurgião dentista, Juliano Martendal, participou do Rádio Revista Cidade, na manhã desta quarta-feira (03), e explicou as complicações que as doenças periodontais (doenças na gengiva, ossos da boca) podem trazer para diversas outras áreas do nosso corpo.

“Doenças que atacam ossos e gengiva produzem toxinas que caem na nossa corrente sanguínea e vão prejudicar outras estruturas do nosso organismo. E esses tipos de doenças aumentam muito o risco de diabetes, por exemplo”, explicou Martendal.

De acordo com o cirurgião, as doenças têm uma ligação entre si. “A diabetes e a doença periodontal são casadas, isso porque quem tem diabetes tem muito mais risco de desenvolver doenças periodontais e quem tem doenças na boca, tem quatro a cinco vezes mais chances de desenvolver a diabetes”, contou.

Segundo Martedal, a diabetes é uma das doenças mais comuns, mas as doenças periodontais acarretam muitos outros problemas, inclusive no coração. “Quem tem problema periodontal pode desenvolver endocardite bacterina, onde as bactérias da nossa boca caem na corrente sanguínea e vão se alojar nas válvulas cardíacas e elas comem as válvulas, e nesse caso, só um transplante ou procedimentos invasivos para resolver”, explicou.

O cirurgião destacou ainda que as doenças bucais podem ser relacionadas com partos pré-maturos, Alzheimer e até com a Covid-19.    

Martedal destacou a importância da prevenção nesses casos. “Na clínica batemos muito na “tecla” da prevenção, porque 90% dos problemas bucais não causam dor, mas não é porque não tem dor que está tudo bem, então é preciso prevenir. A prevenção é muito mais fácil é mais acessível e nos evita vários problemas lá na frente”, finalizou.  

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Jogo online alerta para a prevenção da dengue

Integrantes do projeto Novos Talentos - SC Games, alunos e professores envolvidos celebraram o relançamento do jogo Invasão aegypti na noite de segunda-feira, 28. O game foi relançado diante do aumento de casos de dengue no estado e foi uma iniciativa da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, desenvolvido em 2016, sob supervisão técnica da equipe da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive). A professora...
Continuar lendo...

Guabiruba não contabiliza novos casos de covid-19

O relatório da vigilância epidemiológica de Guabiruba desta segunda-feira (15) indica que a cidade não teve novos casos de covid-19. São 4265 casos confirmados e 48 óbitos atribuídos ao vírus desde o início da pandemia. Até o início desta semana, a cidade tinha 16 casos ativos de Covid-19, um cidadão na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e um na enfermaria, em Brusque. O Centro de Triagem monitora seis casos...
Continuar lendo...

Quadricolor se prepara para encarar o Vasco fora de casa

Após a vitória contra o Tombense na última sexta-feira (20), o Brusque Futebol Clube, já iniciou a sua preparação para encarar o Vasco pela nona rodada do Brasileiro. O elenco do Marreco se reapresentou na manhã de ontem (22), e fez um trabalho de ataque contra defesa em campo reduzido. Todos os atletas participaram da primeira parte do treino. Aqueles que iniciaram jogando não participaram da segunda parte, que consistiu em trabalhar a...
Continuar lendo...