Mulher simula sequestro para extorquir a própria família

Na madrugada desta terça-feira (2), uma mulher de 32 anos foi presa por após simular o próprio sequestro. Ela tentava extorquir os próprios pais.

Segundo informações da Polícia Civil de Florianópolis, a mulher planejou o crime junto de outros três homens com o objetivo era extorquir cerca de R$ 10 mil da família, que mora em Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul. 

As investigações preliminares da Diretoria Estadual de Investigação Criminal (DEIC) mostram que o golpe tinha sido bem planejado pela mulher. Ela, junto dos cúmplices, enviou mensagens para os pais pedindo dinheiro e até um vídeo em que aparece amarrada com as roupas cheias de sangue.

Os policias ainda informaram que eles mandaram mensagens nas quais ela estava sofrendo agressões. Caso eles não recebessem o dinheiro, iriam matar ela.

A polícia, depois que ficou sabendo do caso, rapidamente começou a investigar e descobriu que na madrugada desta terça-feira conseguiu prender todas as pessoas envolvidas no golpe. 

Segundo o delegado responsável pelo caso, Anselmo Cruz, afirmou que nas imagens também aparecia uma arma de fogo. “Tudo isso para querer aterrorizar os familiares e convencê-los a fazer o pagamento do suposto resgate.” A família entregou quase R$ 6 mil.

O delegado ainda informou que a mulher já morava há dois anos em Florianópolis. O objetivo do crime era extorquir os familiares por conta de problemas com droga.

Os quatro então foram presos em flagrantes e serão autuados pelo crime de extorsão contra os familiares.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões