Brusque já prevê data para não uso de máscaras em espaços abertos

A Secretaria Municipal de Saúde de Brusque já trabalha com expectativa de data para que o uso de máscaras em locais abertos possa ser retirado. De acordo com o secretário Osvaldo Quirino de Souza, quando um percentual da população de 70% a 80% receber as duas doses da vacina contra Covid-19 isso será possível. A previsão é de que ocorra em meados de dezembro.

“Segundo os estudos têm mostrado, é um indicativo para que possamos tirar a máscara em públicos com locais abertos”, disse ele em entrevista ao programa Rádio Revista Cidade, da Rádio Cidade, nesta segunda-feira (1).

Até o momento, cerca de 90% da população já recebeu a primeira dose, Isso significa mais de 102 mil moradores de Brusque. Já a segunda dose foi aplicada a, aproximadamente, 80 mil pessoas, o que significa mais de 50%.

Quirino de Souza volta a apelar para que as pessoas que tomaram a primeira dose voltem para receber a seguinte. Até o momento, entre 10% a 12% não retornaram para receber a segunda dose da vacina. Os motivos são os mais variados, explica o secretário.

“Esquecimento, perdeu a data da validade e depois não se preocupou. Pessoas que se arrependeram de tomar porque tiveram algum efeito colateral, como dor, febre e ficaram com medo. E desinformação, de acharem que com uma dose estão imunizados”, disse Quirino.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões