Instituições sociais recebem brinquedos e ação da Havan

Mais de 800 brinquedos foram entregues pela rede lojas Havan na última semana. A inciativa beneficiou entidades do Paraná, Acre, São Paulo e Santa Catarina. Além disso, o Robô Havan realizou uma visita a crianças no Hospital Azambuja.

No estado, os brinquedos foram distribuídos para o Centro Educacional Juscélia (Ceju) da Comunidade Bethânia, de São João Batista, que atende 250 crianças. “A Havan é sempre parceira nossa, tradicionalmente a empresa está conosco na Festa de Natal, e felizmente, está nos ajudando mais uma vez. Os brinquedos farão a alegria de muitas crianças e nós só temos a agradecer”, salienta o administrador local, José Washington Ferreira.

Além dele, foram beneficiados o Centro Municipal de Educação Infantil do Xarquinho, de Guarapuava, no Paraná. Para a Associação Família Azul, do Rio Branco, no Acre. Também para o Lar Santa Filomena e Lar São Rafael, de Presidente Prudente, em São Paulo. 

 

Hospital Azambuja

Já no Hospital Azambuja, no sábado (9), as crianças receberam o Robô Havan, de mais de 2 metros de altura. Além da apresentação,  as crianças receberam presentes da rede de lojas e também bolachas produzidas e decoradas pela equipe da cozinha do Hospital Azambuja. De acordo com a enfermeira do Grupo de Humanização do hospital, Geisiane Souza Braga, promover esta ação para as crianças é uma forma de humanizar ainda mais o período em que elas precisam permanecer na instituição. 

“A Havan já é parceira do Hospital Azambuja há muitos anos e mais uma vez atendeu nosso chamado e proporcionou esta ação tão linda. Fizemos esta ação justamente para nossas crianças internadas, porque entendemos que o cuidar tem que ser cada vez mais humanizado”, frisa.

Para o dono da Havan, Luciano Hang, a ação é motivo de orgulho. “Sempre falo que todos nós podemos ajudar um pouco. Por menor que seja a contribuição, ela faz a diferença na vida dos outros. Não medimos esforços para ajudar as iniciativas que chegam até nós. Ficamos muito felizes por poder ajudar”.


 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões