(Vídeo) Comandante do CBM Guabiruba esclarece sobre atuação na cidade

Vídeos

Comandante do CBM Guabiruba esclarece sobre atuação na cidade

No último dia 28, o comandante do Corpo de Bombeiros de Guabiruba, sargento Luciano Schlindwein, esteve na Câmara de Vereadores para falar e esclarecer sobre a atuação na cidade e. Ele também conversou com a Rádio Cidade sobre a demanda na cidade.

Com a demanda de serviços cada vez maior ele ressalta os efeitos de chamados de menor urgência na rotina e capacidade de atendimento da corporação. “Liguem para os Bombeiros, em situação que elas não possam resolver”, em referência a casos de mal estar ou que não demandam de atendimento de urgência”, indica.

Para evitar acionamentos desnecessários, ele esclareceu que, enquanto o Samu é especializado no atendimento de todos os tipos de casos clínicos, o Corpo de Bombeiros (CBM) é limitado por falta médicos no sistema. Sem suporte avançado, as unidades do CBM, necessitam fazer o transporte do paciente até o hospital. No caso de Guabiruba, o tempo de atendimento aumenta em função do deslocamento até Brusque. 

Segundo ele, em tempos de pandemia de Coronavírus, muitos dos chamados também envolvem vítimas contaminadas pelo vírus. Por mais que o serviço seja uma atribuição do Samu, a unidade do CBM acaba sendo acionada. 

O bom senso e conscientização, afirma, podem ser importantes para evitar o agravamento de outras ocorrências. “Por uma questão de logística. Se nós atendemos ocorrências que não são fim do Corpo de Bombeiros, acabamos deixando para trás pessoas que realmente precisam desse atendimento ou, então, fazemos que essa ocorrência acabe levando muito mais tempo para ser atendida do que deveria.” 

 

Dicas

Ao acionar o Corpo de Bombeiros

- Mantenha a calma e responda as questões do atendente da Central de Operações Bombeiro Militar (Cobom);

- Conte o que aconteceu, se há vítimas, se há outros riscos e a situação no local;

- Passe o endereço completo: rua, número, bairro e um ponto de referência.

 

Em quais casos chamar o Corpo de Bombeiros?

Incêndios;

Acidentes com trauma (de trânsito, agressões, ferimentos, quedas, queimaduras, entre outros);

Pessoas perdidas na mata; inconscientes ou engasgadas;

Afogamentos;

Choques elétricos;

Tentativas de suicídio;

Resgate em altura ou espaço confinado;

Deslizamentos, desabamentos, enchentes, inundações ou enxurradas;

Acidentes com produtos perigosos ou vazamento de gás.

 
Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões