Educação de Brusque recebe capacitação de robótica

Torneira automatizada, secador de mãos, caixa de água inteligente e sensor de presença. Estes são os projetos que estão sendo executados na capacitação em robótica pelos profissionais de duas escolas da Rede Municipal de Ensino de Brusque. Ao todo, são sete professores e dois monitores que, ao construir os protótipos, estão aprendendo e tendo o acesso prático às novas tecnologias por meio da robótica educacional. Ao final da capacitação, os professores vão estar habilitados para replicar nas escolas o conhecimento adquirido.

A meta é, num futuro próximo, oportunizar esta modalidade de aprendizado a todos os alunos do 5º ao 9º ano. Ainda em fase embrionária, estes projetos iniciais não possuem preocupação estética. Os protótipos de aprendizado são focados na funcionalidade. No entanto, ao realizar o projeto nas escolas os professores já estão orientados para que também haja a atenção para um bom acabamento estético. A formação teórica e prática em robótica iniciou em 16 de agosto para três professores e um monitor da EEF João Hasmann e em 19 agosto, para quatro professores e um monitor da EEF Dr. Carlos Moritz.

As aulas são presenciais e ocorrem uma vez por semana, no Centro Municipal de Inclusão Digital (CMID), que pertence à Secretaria de Educação e fica situado na Arena Multiuso. Dois professores do quadro de servidores da Secretaria de Educação ministram as aulas. Até o momento, quatro encontros já foram realizados e a previsão é de que esta etapa seja concluída em dezembro, ao final de 18 encontros, quando, então, uma exposição deve ser feita para apresentar os projetos desenvolvidos.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões