Reunião de colegiado faz análise de primeiro semestre de gestão brusquense

Um colegiado formado por secretários, presidentes de fundações e autarquias além do prefeito Ari Vequi e o vice-prefeito Gilmar Doerner, esteve reunido na manhã desta terça-feira (14). O encontro serviu como encerramento de um ciclo de reuniões e para apresentação dos resultados do primeiro semestre do ano.
“Essas reuniões são fundamentais porque criam uma ligação entre as atividades realizadas pelas diversas pastas da gestão, conexão necessária para que através do coletivo, a gente consiga atingir o objetivo de melhorar a qualidade de vida do cidadão brusquense”, ressalta o secretário de Fazenda e Gestão Estratégica, William Molina. 

Ele destacou a autonomia de cada uma das unidades administrativas assim como, das secretarias, mas que todas possuem a preocupação de adequar as suas atividades ao projeto único de governo, desenhado no “Brusque 2030”. A iniciativa já foi apresentada para  membros da sociedade organizada e vereadores. “Agora, o Brusque 2030 está sendo finalizado para que se consiga o financiamento adequado à execução de todas as atividades propostas”, enfatiza Molina.

Para o secretário de Fazenda e Gestão Estratégica, a análise da gestão para o primeiro semestre é satisfatória. “Esta reunião de hoje encerra o primeiro ciclo e estamos contentes com os resultados alcançados. Um exemplo positivo foi a abertura da Avenida Beira-Rio no último domingo, que contou com a presença de centenas de cidadãos brusquenses”, avalia. Isso, para ele, é um demonstrativo de que a administração municipal está no caminho certo. “A partir de agora, elencamos novas atividades e novas metas para cumprimento até o final do ano e teremos, a cada mês, a reunião ordinária do secretariado municipal no gabinete do prefeito”, finaliza.

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões