Brusque goleia o Confiança, no Augusto Bauer

O Brusque recebeu o confiança pela Série B do Campeonato Brasileiro. Em um jogo truncado, as duas equipes passaram os primeiros minutos do jogo em uma disputa acirrada pela posse de bola, mas sem chances claras de gol. No decorrer da primeira etapa, o Brusque acabaria goleando os visitantes.

Em uma das primeiras chances criadas pelao Quadricolor, Rafael Santos interceptou o que seria um cruzamento preciso para Thiago Alagoano. Apesar dos poucos lances de perigo, o Brusque mantinha mais o controle da bola.

Com 20 minutos, Garcez aproveitou a reposição de Zé Carlos, o goleiro Rafael Santos dividiu e a arbitragem marcou pênalti. Na cobrança da penalidade, Thiago Alagoano, bateu com precisão para descolocar o arqueiro adversário. Brusque em vantagem no placar, em sua primeira chegada ao gol, aos 23.

Após o gol, o Brusque manteve a posse de bola próxima de 60% aos 33 minutos de bola rolando. Sem a bola, a equipe do Confiança tentavas segurar o jogo com faltas.

Em um erro no recuo de bola da equipe do Confiança, Alex Ruan aproveitou o erro no recuo da bola pela defesa do Confiança, aos 37, passou pelo goleiro e cruzou na medida para Thiago Alagoano ampliar.

Na base da velocidade de Garcez, aos 41, o Quadricolor marcou o terceiro. Sem que o Confiança conseguisse reagir, fim do primeiro tempo.

 

Lesões e administração

A retomada do jogo foi marcada por duas baixas na equipe do Brusque. Curiosamente, as duas na mesma posição: lateral direita. Primeiro foi Toty, que acabou sendo acertado no rosto e precisou sair. Ele deixou o campo com 7 minutos para entrada de João Carlos, que também precisou sair por lesão, aos 12. Vivíco foi o escolhido para reposição.

Se o Brusque manteve a maior posse e bola ao longo de todo o primeiro tempo, o mesmo não se repetiu na segunda etapa. A equipe passou a administrar a partida, enquanto o Confiança não conseguia criar jogadas de risco.

Já com 41 minutos, Fellipe Soutto, soltou uma pancada da entrada da área. Rafael Santos pegou. Já com os 45, Jhemerson e Daniel tentaram diminuir o prejuízo tabelando e se aproximando do gol do Brusque. A batida saiu ao lado do gol.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões