Uso de recursos estaduais para obras em BRs repercute na Alesc

A possibilidade de o governo barriga verde desistir de aportar recursos do Tesouro em obras nas rodovias federais ganhou destaque na sessão de quarta-feira (28) da Assembleia Legislativa.

João Amin (PP) repercutiu notÍcia de que Santa Catarina poderá desistir de injetar recursos nas BRs 470, 163 e 280. A decisão, segundo o deputado, será tomada dia 4 de agosto, quando o ministro de Infraestrutura será ouvido na Comissão de Infraestrutura do Senado, oportunidade em que será questionado sobre o uso dos recursos dos catarinenses.

“O dinheiro do governo do estado é necessário, quem vai rasgar a fita pouco importa, a população quer a obra pronta. O governo federal cortou, o governo estadual se dispôs a colocar recursos do estado em obras de responsabilidade federal, e agora está esse jogo de números. Não vejo deputado contando morte dessa lenga-lenga”, ironizou João, referindo-se às criticas que recebeu quando pediu vista do projeto.

Bruno Souza (Novo) e Mauricio Eskudlark (PL) também ressaltaram o impasse. “Quero lamentar o imbróglio na BR-470, com o impasse com os governos, mas era até um pouco previsível, porque o estado resolveu fazer aquilo que não era sua competência”, pontuou Bruno, que defendeu a união dos catarinenses contra os cortes nas obras federais.

“O governo federal previu R$ 15 mi para uma obra de R$ 200 mi na BR-163 e não quer receber os recursos que o estado pode disponibilizar? Não é nossa obrigação, mas quem está sofrendo é o catarinense”, disparou Eskudlark.

Nilso Berlanda (PL), vice-presidente da Casa, voltou a propor a união das forças políticas contra os cortes federais. “Já conversamos aqui, nós, os 40 parlamentares, os 16 deputados federais, os três senadores, por que não fazemos um movimento e mostramos para o ministro o que está acontecendo? Dinheiro aprovado aqui e o ministro não quer receber esses recursos, faço um apelo para que a gente se una”, argumentou Berlanda.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Mulheres furtam e agridem gerente de loja

Na tarde de domingo (05) na cidade de Tijucas o estabelecimento I Fashion Outlet, localizado às margens da BR-101 teve mercadorias furtadas por duas mulheres. As mulheres suspeitas além de furtar as peças de roupas do estabelecimento, também agrediram a gerente da loja. De acordo com relato feito da gerente aos policiais, as mulheres foram flagradas pelas câmeras de monitoramento interno da loja, elas retiravam os alarmes antifurto e escondiam as roupas em...
Continuar lendo...

Trabalhadores nascidos em agosto podem sacar auxílio emergencial

A partir de hoje (14), os trabalhadores informais e inscritos no Cadastro único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos em agosto, podem sacar a quinta parcela, do auxílio emergencial 2021. Esse valor já estava disponível desde o dia 27 de agosto, nas contas poupanças digitais da Caixa Econômica Federal, mas não estava disponível para saque. A retirada do dinheiro pode ser feita nas agências da Caixa,...
Continuar lendo...

Motorista capota carro, foge e abandona colega ferido

O motorista de um Fusca fugiu do local após capotar o veículo. O carro acabou apreendido por estar com os documentos em atraso desde 2013. O fato foi registrado na tarde de sábado (31), no Tajuba I, em São João Batista. De acordo com a Polícia Militar, o passageiro do veículo ainda estava no local. Ele foi conduzido, em seguida, com ferimentos ao hospital. Ele contou que seu amigo, que fugiu do local, é quem estava na...
Continuar lendo...