Barroso reafirma que nunca foi registrada fraude nas urnas eletrônicas

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, reafirmou hoje (9) que jamais foi registrada nenhuma fraude desde a implantação das urnas eletrônicas, em 1996. Segundo Barroso, o sistema é integro e permitiu a alternância no poder.

A manifestação de Barroso foi feita após declarações feitas pelo presidente Jair Bolsonaro na manhã de hoje. Durante conversa com apoiadores, Bolsonaro voltou a defender o voto impresso para auditar os resultados das eleições de 2022 e disse que “a fraude está no TSE”.

Em nota, Barroso lembrou que a presidência do TSE é exercida por ministros do Supremo Tribunal Federal e que, desde 2014, o cargo foi ocupado por Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Luiz Fux, Rosa Weber e por ele mesmo. "Todos participaram da organização de eleições. A acusação leviana de fraude no processo eleitoral é ofensiva a todos." 

Veja a íntegra da nota divulgada pelo TSE:

“Tendo em vista as declarações do Presidente da República na data de hoje, 9 de julho de 2021, lamentáveis quanto à forma e ao conteúdo, o Tribunal Superior Eleitoral esclarece que:

1. Desde a implantação das urnas eletrônicas em 1996, jamais se documentou qualquer episódio de fraude. Nesse sistema, foram eleitos os Presidentes Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva, Dilma Rousseff e Jair Bolsonaro. Como se constata singelamente, o sistema não só é íntegro como permitiu a alternância no poder.

2. Especificamente, em relação às eleições de 2014, o PSDB, partido que disputou o segundo turno das eleições presidenciais, realizou auditoria no sistema de votação e reconheceu a legitimidade dos resultados.

3. A presidência do TSE é exercida por Ministros do Supremo Tribunal Federal. De 2014 para cá, o cargo foi ocupado pelos Ministros Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Luiz Fux, Rosa Weber e Luís Roberto Barroso. Todos participaram da organização de eleições. A acusação leviana de fraude no processo eleitoral é ofensiva a todos.

4. O Corregedor-Geral Eleitoral já oficiou ao Presidente da República para que apresente as supostas provas de fraude que teriam ocorrido nas eleições de 2018. Não houve resposta.

5. A realização de eleições, na data prevista na Constituição, é pressuposto do regime democrático. Qualquer atuação no sentido de impedir a sua ocorrência viola princípios constitucionais e configura crime de responsabilidade”. 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Segunda edição da campanha Guabiruba Florida vai até dia 22 de outubro

A campanha Guabiruba Florida, promovida pela Associação Visite Guabiruba (Avigua), iniciou na última quarta-feira (22) e se estende até o próximo dia 22 de outubro. Nela, os guabirubenses são estimulados à dedicar tempo e cuidado aos jardins, como forma de embelezar a cidade.  Até a data é possível enviar uma do jardim, outra foto da flor favorita dele, um relato dessa flor predileta, além de nome completo e...
Continuar lendo...

Covid-19: Vacinação para adolescente está suspensa em toda SC

A vacinação para adolescentes de 12 a 17 anos contra a Covid-19 está suspensa em toda Santa Catarina. Segundo o Ministério Público, não há previsão para o envio dos imunizantes. Desde o mês passado que o órgão não envia doses para o grupo. De acordo com a Diretoria de Vigilância Epidemiológica, os imunizantes enviados foram para vacinar 45% dos adolescentes. Agora, os lotes enviados vão...
Continuar lendo...

Brusque segue no nível Gravíssimo na Matriz de Risco

A Matriz de Risco Potencial para a Covid-19 divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), neste sábado (10), segue apontando melhoras nos índices. O mapa desta semana aponta oito regiões em estado grave  e outras oito em nível gravíssimo. As regiões do Alto Uruguai Catarinense, Planalto Norte, Serra Catarinense e Xanxerê são as que apresentaram melhora, baixando um nível de gravidade se enquadrando no risco...
Continuar lendo...