Pavimentação: "Prefeitura dá prazos e até agora nada"

Na sessão desta terça-feira (29) da Câmara Municipal de Brusque, o vereador Cacá Tavares (Podemos) falou sobre pavimentação de ruas por adesão. Situação que, segundo ele, é motivo de cobrança de moradores quase que diariamente.

Segundo o parlamentar, muitas pessoas o procuram para reclamar de terem pago suas partes na parceria com a Prefeitura e a via não ser executada.

“Solicito que a Prefeitura deixe as coisas mais claras. No Bairro Águas Claras tem um que visitei e os moradores entram nesse projeto de a adesão. A rua está paga desde 2019 e desde lá a Prefeitura dá prazos e até agora nada”, disse.

No pedido, Tavares pede que seja feita explicação e maneira clara sobre como funciona a parceira. Ele pede que sejam ditas quantas ruas estão pendentes de serem executadas.

“Sabemos que a maioria dos recursos está indo para o combate à Covid, mas o morador que enfrenta todo dia a lama tem o direito de saber quando será pavimentada”.

Ele sugere a elaboração e divulgação de um cronograma para que a população possa acompanhar. Falta clareza, segundo ele, sobre se determinada rua ainda não esta no plano de adesão.

O líder do governo, Nick Imhof (MDB), disse que a parceria comunitária foi alvo de problemas nos últimos meses. A Prefeitura teve que descredenciar a empresa que venceu a licitação por conta do preço a ser pago. Ele anunciou que na próxima semana será anunciado programa novo de pavimentação que trará o cronograma solicitado por Tavares.

O vereador Jean Pirola também disse que tem sido procurado frequentemente sobre o tema. Ele defendeu a ideia de Tavares e disse que há outro problema. Citou a questão das ruas que são usadas pavers e não asfalto, porque não foram executadas.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões