Contribuinte com pendência deve entregar declaração e retificar depois

Mesmo com o prazo da entrega da declaração do Imposto de Renda (IR) terminando nesta segunda-feira (31), muitos contribuintes ainda não entregaram a prestação de contas. Para evitar o pagamento de multas por atraso, o secretário especial da Receita Federal, José Tostes, sugere que para não perder o prazo e pagar multa, o contribuinte pode entregar a declaração e depois fazer ajustes, correções ou simplificações nas informações que prestou.

Em entrevista ao programa Brasil em Pauta,  o secretário tranquiliza os contribuintes sobre eventuais problemas na declaração. Segundo ele, a Receita dará ao declarante a oportunidade de se autorregularizar. “Nós estaremos enviando ao contribuinte os apontamentos dos problemas identificados na sua declaração e oferecendo, de forma espontânea, a possibilidade de ele fazer essas correções sem qualquer incidência de multas ou penalidades”, afirma.

De acordo com Tostes, o contribuinte que ainda não preencheu a declaração pode contar com duas facilidades oferecidas pela Receita: a declaração pré-preenchida e o assistente virtual. Criado este ano, o assistente virtual já recebeu mais de 30 mil dúvidas de contribuintes.

Auxílio no combate à pandemia

Segundo o secretário, o órgão conseguiu - por meio de mutirões e automação de serviços, como envio eletrônico de documentos – regularizar a situação de mais de 13 milhões e 500 mil CPF´s para que pudessem estar aptos a receber o auxílio emergencial do governo federal.

Tostes também falou sobre a desoneração de tributos, como o Imposto de Importação e o IPI vinculado, para centenas de produtos da área de saúde utilizados no combate ao novo coronavírus. “Essas desonerações somaram mais de R$ 2 bilhões de impostos que foram retirados para propiciar uma redução do custo de importação desses produtos”, disse. Outras medidas foram adotadas, como a facilitação no desembaraço aduaneiro desse tipo de produto.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Polícia Civil busca identificação de corpo encontrado no Itajaí-Mirim, em setembro

A dificuldade em identificar o corpo de um homem, encontrado no rio Itajaí-Mirim, em setembro, fez a Polícia Civil divulgar mais dados, na tentativa de que familiares ajudem no reconhecimento. O corpo da vítima de afogamento foi encontrado no último dia 29. O homem de 1,8 metro não tinha sinais externos como tatuagens ou marcas de cirurgias Com ele estavam, apenas as roupas do corpo. A morte, provavelmente ocorreu entre os dias 22 e 26.  Quem puder...
Continuar lendo...

Programa Novos Valores abre inscrições de estágio no Governo do Estado

Estão abertas as inscrições para o programa de estágio Novos Valores 2022. A iniciativa tem como objetivo garantir aos estudantes catarinenses uma oportunidade de inserção no mundo do trabalho das secretarias e entidades do Governo do Estado para que possam aplicar na prática os conhecimentos teóricos adquiridos durante as aulas. A previsão é que o edital oferte cerca de três mil vagas para alunos que frequentam o...
Continuar lendo...

Brusquenses integram escola de novos árbitros de Santa Catarina

Pensando da renovação de seu quadro técnico, a Escola Catarinense de Arbitragem, junto com o Sindicato dos Árbitros e a Federação Catarinense de Futebol, finalizou neste mês de agosto um curso para formação de novos árbitros e assitentes.  Mais de 30 pessoas participaram da qualificação, entre eles dois moradores de Brusque. Trata-se de João Alfredo Vaz Lucas e Rafael Dias. A reportagem da...
Continuar lendo...