Schlösser: 95% do valor devido já foi pago a ex-empregados

Ainda restam algumas pessoas para receber os valores devidos pela Companhia Industrial Schlösser com a venda do imóvel da Avenida Getúlio Vargas. A negociação ocorreu em 21 de fevereiro deste ano e o mesmo  foi vendido à Havan.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Fiação e Tecelagem de Brusque (Sintrafite), cerca de 95% dos que tinham pendências a receber já pegaram os valores junto à entidade e ao Sindicato dos Mestres e Contramestres (Sindmestre).

“Crédito esse equivalente a 41% do total. É claro que estamos chamando esses outros 5% que ainda não compareceram”, declara o presidente do Sintrafite, Anibal Boettger.

Ele acredita que algumas destas pessoas que estão nesses 5% restantes podem ter mudado de cidade e até de estado. Isso está tornando a busca mais demorada. No entanto, os valores estão depositados e aguardam o comparecimento dos mesmos para serem pagos.

“Está lá disponível esse crédito. E não pode ser diferente, com cheque nominal a esse ex-funcionário. Tenho certeza de que vamos conseguir localizar através de amigos, ex-colegas”, pontua ele.

Boettger relata que os valores pagos variam. Houve caso de pessoa que tinha mais de R$ 100 mil a receber e outros cujo montante não ultrapassou R$ 4 ou R$ 5 mil.

Ex-empregados da Schlösser, que fechou as portas em 2012, e que possuem créditos a receber de indenizações trabalhistas podem entrar em contato com o Sintrafite, que fica na Rua Tiradentes, 35, Centro de Brusque, ou o Sindmestre, situado Na Rua Artur Kistenmacher, 57, também no Centro. Os telefones de contato das duas entidades são (47) 3351-3555 (Sintrafite) e (47) 3351-1491 (Sindmestre).

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões