“Muitas vezes culpam o prefeito, mas não é culpa do prefeito”, defende Jean Pirola

Durante a sessão ordinária desta terça-feira, 18 de maio, o vereador Jean Pirola (PP) criticou o desalinhamento entre duas travessias elevadas implantadas na rua Francisco Sassi, no bairro Jardim Maluche. “É um absurdo esse tipo de obra mal executada. Era tão simples fazer a coisa certa e fizeram dessa forma”, disse. Para o legislador, a responsabilidade pelo ocorrido - assim como a queda da cabeceira da ponte João Libério Benvenutti, no Santa Terezinha - não deve ser imputada ao prefeito Ari Vequi (MDB), e nem a secretários de governo, mas aos encarregados pela realização de obras e serviços. 
 
“Muitas vezes culpam o prefeito, mas não é culpa do prefeito. A ponte caiu não foi por culpa do prefeito, não foi o prefeito que foi lá derrubar a ponte. Ela caiu por outros motivos”, assegurou. “O prefeito não está lá na hora que estão fazendo a obra. Alguém foi responsável por isso. É um custo para o município e esse tipo de situação a gente não pode deixar passar em branco. Temos que alertar”, emendou Pirola ao se referir ao caso da Francisco Sassi. 
 
Apartes
“Realmente é inacreditável”, observou Jean Carlo Dalmolin (Republicanos), que também reforçou a importância dos estudos prévios de viabilidade para a implementação de travessias elevadas e lombadas, bem como a necessidade de ações educativas voltadas ao trânsito. 
“Com certeza não é culpa do prefeito de ter sido feito de maneira irregular. O que quero dizer é que a gente chame a atenção também para os encarregados das equipes, porque esse pessoal também é importante na administração”, argumentou Nik Angelo Imhof (MDB), líder do governo municipal na Câmara.   
 
Bombeiros
Ao abrir seu discurso, Pirola cumprimentou o capitão Jacson Luiz de Souza, comandante da 3ª Companhia de Bombeiro Militar de Brusque, homenageado pelo Legislativo na mesma reunião, e lamentou que a cidade não disponha mais do Fundo de Reequipamento do Corpo de Bombeiros Militar (Funrebom) e nem do Fundo de Melhoria da Polícia Militar (Fumpom).  
“Tenho certeza que os fundos traziam grande incentivo financeiro e aporte, tanto é que hoje temos equipamentos de ponta na cidade não por recursos do estado, mas sim por recursos próprios que foram muito bem empregados”, afirmou.
 
O parlamentar também teceu considerações sobre as dificuldades que o Corpo de Bombeiros possivelmente enfrenta ao trafegar pela cidade conduzindo feridos em ambulâncias, devido ao número de redutores de velocidade instalados nas vias municipais, especialmente na rua Azambuja, que dá acesso ao hospital.
Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Confira os números da Covid-19 em Brusque nas últimas 24 horas

O novo boletim epidemiológico divulgado pela Diretoria de Vigilância em Saúde na tarde desta quinta-feira (22) indica que a cidade de Brusque soma 27.379 casos confirmados de Covid-19 desde o início da pandemia. Nas últimas 24 horas, foram notificadas 37 novas ocorrências da doença no município. Do total de infectados, 26.420 pacientes estão recuperados. Há 668 casos ativos e 44 em investigação. Atualmente,...
Continuar lendo...

Carreta tomba no acostamento e mata quatro pessoas

A Policia Rodovia Federal (PRF) atendeu na manhã deste domingo (6), na BR-101, no Morro do Boi, em Balneário Camboriú, um grave acidente que acabou matando quatros pessoas. O acidente envolveu uma carreta carregada de madeira, dois ciclistas e mais uma moto com duas pessoas. Segundo relatos da empresa que administra a rodovias, a carreta acabou tomando sobre rodovia e com isso matando quatro pessoas, sendo dois ciclistas e duas pessoas que estavam em uma moto. O...
Continuar lendo...

Samae identifica 42 pontos de vazamento durante o mês de junho

Análises feitas por geofonamento por servidores Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) identificaram, junho, 42 pontos de ruptura na rede de água tratada, em Brusque. Atualmente, o setor de pesquisa de vazamentos foi ampliado: ao todo, são três equipes. Uma inicia às 5h e vai até às 13h30; outra atua das 8h às 17h. Já o grupo mais recente começa às 22h e vai até às...
Continuar lendo...