Deputado que ir à justiça para suspender julgamento de Moisés

O deputado estadual Ivan Naatz (PL) anunciou em suas mídias sociais que vai entrar na justiça para que o julgamento do impeachment do governador afastado Carlos Moisés seja suspenso. A sessão do tribunal do júri, formado por parlamentares e desembargadores, está marcada pra a próxima sexta-feira (7).

De acordo com o deputado, o motivo da ação está ligado ao Colégio Superior do Ministério Público (MPSC). O grupo se reuniu ontem, terça-feira (4), para decidir se dá prosseguimento ou arquiva a parte civil do inquérito que aponta a participação ou não do governador afastado na compra dos respiradores. Houve pedido de vistas da análise e o órgão voltará a discutir o caso apenas após a sessão do tribunal.

O deputado publicou em sua rede social o seguinte comunicado. “Promotora relatora, Lenir Piffer, no Conselho Estadual do Ministério Público que investiga a participação culposa do governador Carlos Moisés no escândalo dos respiradores votou agora a pouco no sentido de que houve participação omissiva do Governador afastado. Esse voto confirma o que concluiu a CPI. Moisés é responsável e merece ser afastado!”.

Fonte: ND Mais.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Vereadores buscam informações sobre a queda da cabeceira da ponte junto com o Executivo e engenheiros

Vereadores receberam na quarta-feira (19), no plenário da Câmara Municipal, a secretária municipal de Infraestrutura Estratégica, Andrea Patrícia Volkmann, e os engenheiros civis Cristian Fuchs e Murilo Cecconello, do consórcio formado pelas empresas Pacopedra, Freedom e Setor Sul, que executa as obras da margem esquerda da Avenida Beira Rio, para tratar dos desdobramentos da queda da cabeceira da ponte João Libério Benvenutti, que completa...
Continuar lendo...

(VIDEO) Delegado relata como atentado e mortes na creche ocorreram

O delegado de Polícia Civil Jerônimo Marçal Ferreira, de Pinhalzinho, no Oeste de Santa Catarina, relatou esta manhã sobre o ocorrido na escola Pró-Infância Aquarela. Crianças e uma professora foram mortas por um rapaz de 18 anos de idade, que invadiu o estabelecimento no começo da manhã. De acordo com o delegado, o rapaz invadiu o local utilizando uma espécie de espada cortante. Ele chegou na unidade de bicicleta. Primeiro,...
Continuar lendo...

Vacinação reduz ocupação de UTIs nos estados para menos de 90%

O avanço da vacinação continua a reduzir a internação de pacientes com covid-19 em unidades de terapia intensiva (UTIs) no país e, pela primeira vez desde dezembro de 2020, nenhuma unidade da federação está com mais de 90% desses leitos ocupados. O dado consta do Boletim Observatório Covid-19, divulgado hoje (14) pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Segundo os pesquisadores da Fiocruz, a vacinação...
Continuar lendo...