Auxílio emergencial é pago a beneficiários do Bolsa Família com NIS 6

Os beneficiários do Bolsa Família com Número de Inscrição Social (NIS) terminado em 6 recebem hoje (26) a primeira parcela do auxílio emergencial 2021. Os recursos podem ser movimentados pelo aplicativo Caixa Tem, por quem recebe pela conta poupança social digital, ou sacados por meio do Cartão Bolsa Família ou do Cartão Cidadão.

O recebimento dos recursos segue o calendário normal do Bolsa Família, pago nos últimos dez dias úteis de cada mês. A primeira parcela começou a ser depositada no último dia 16 e será paga até 30 de abril.

Em caso de dúvidas, a central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h. Além disso, o beneficiário pode consultar o site auxilio.caixa.gov.br.

O auxílio emergencial foi criado em abril do ano passado pelo governo federal para atender pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia de covid-19. Ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães chefes de família monoparental e, depois, estendido até 31 de dezembro de 2020 em até quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.

Neste ano, a nova rodada de pagamentos, durante quatro meses, prevê parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.

Pelas regras estabelecidas, o auxílio será pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo. É necessário que o beneficiário já tenha sido considerado elegível até o mês de dezembro de 2020, pois não há nova fase de inscrições. Para quem recebe o Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso, seja a parcela paga no programa social, seja a do auxílio emergencial.

Quem recebe na poupança social digital, pode movimentar os recursos pelo aplicativo Caixa Tem. Com ele, é possível fazer compras na internet e nas maquininhas em diversos estabelecimentos comerciais, por meio do cartão de débito virtual e QR Code. O beneficiário também pode pagar boletos e contas, como água e telefone, pelo próprio aplicativo ou nas casas lotéricas. A conta é uma poupança simplificada, sem tarifas de manutenção, com limite mensal de movimentação de R$ 5 mil.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Brusque sai atrás do placar e busca o empate com o JEC

O Brusque entrou em campo buscando a vantagem nas quartas de final contra do Campeonato Catarinense 2021, neste domingo (25). Pelo cruzamento, o adversário foi o Joinville, mandante do jogo e em momento conturbado, após a demissão do técnico Vinícius Eutrópio. Os donos da casa foram a campo treinados pelo interino e auxiliar técnico, Elizeu Ferreira. Apesar do cenário desfavorável foram eles quem saíram na frente, logo aos...
Continuar lendo...

Guabiruba registra apenas um novo caso de Covid-19

A Prefeitura de Guabiruba informa o Boletim Epidemiológico desta sexta-feira (7). Um novo caso foi confirmado hoje por teste Antígeno, sendo um homem. No total, Guabiruba registra 3459 casos de Covid-19, destes, 3359 estão recuperados e 62 estão ativos. O Centro de Triagem não detectou novos suspeitos. No total, Guabiruba possui dois cidadãos internados em Brusque: um na enfermaria e um na UTI. Até agora, Guabiruba possui 38 óbitos pelo...
Continuar lendo...

Juiz decreta prisão preventiva de jovem acusado por chacina no município de Saudades

Eram quase 04h desta quarta-feira (05) quando os autos de prisão em flagrante do rapaz que matou cinco pessoas em uma creche em Saudades, no Oeste, chegaram ao Poder Judiciário de Santa Catarina. Após manifestações do promotor de justiça e do defensor dativo, o juiz da comarca de Pinhalzinho, Caio Lemgruber Taborda, converteu a prisão em flagrante do suspeito em prisão preventiva. Taborda também deferiu o pedido da Polícia...
Continuar lendo...