Lei determina que qualificação de cargos comissionados seja divulgada

Os cargos comissionados no âmbito do poder público foram tema de discurso do vereador André Vechi (DC) na sessão desta terça-feira (20) da Câmara Municipal de Brusque. Para ele, alguns maus exemplos, poucos, acabam por fazer com que os profissionais que atendem no serviço público nesta condição sejam demonizados.

A fala do vereador foi ao encontro de um projeto de lei colocado em pauta na sessão desta terça-feira e aprovado sobre o tema. Ele determina a divulgação na qualificação de servidores em cargos comissionados tanto na Prefeitura quanto na própria Câmara.

Para o vereador, em uma cidade de grande porte como Brusque é necessário que o prefeito tenha condições de nomear pessoas de sua confiança. No entanto, isso não pode ser condição para que o gestor nomeie qualquer um sem qualquer exigência técnica.

"Quando se fala em cargo de comissão, nós cobramos das pessoas competência. Quando falamos em competência, estamos falando de conhecimento, habilidades e atitudes", destacou.

O vereador Jean Pirola (Progressista) aproveitou para criticar o Ministério Público. Para ele, a nomeação de cargos em comissão deveria ser única e exclusivamente a critério do prefeito. Muitas nomeações não são feitas por conta da intervenção do Ministério Público.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões