Fiocruz entrega mais de 1 milhão de doses de vacina a partir de quarta

Um lote com 1,080 milhão de doses de vacinas produzidas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) será estregue esta semana ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). A informação foi divulgada nesta segunda-feira (15) pela Fiocruz.

Serão disponibilizadas 500 mil doses na quarta-feira (17) e mais 580 mil até sexta-feira (19). Em março, segundo a Fiocruz, será entregue um total de 3,8 milhões de doses da vacinas. Na última sexta-feira (12), uma segunda linha de produção entrou em operação, o que vai permitir o aumento da capacidade produtiva de Bio-Manguinhos/Fiocruz. A expectativa é chegar até o final do mês com uma produção de cerca de 1 milhão de doses por dia.

A vacina fabricada pela Fiocruz foi desenvolvida pela Universidade de Oxford e o laboratório AstraZeneca. Para sua efetividade completa, ela necessita de duas doses, em um intervalo de oito a 12 semanas.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda o uso do imunizante inclusive para as novas variantes que vêm circulando no Brasil e em outros países, como a África do Sul. A vacina previne os casos graves e as hospitalizações por covid-19. De acordo com os estudos publicados sobre a vacina Oxford-AstraZeneca, sua eficácia geral é de 82%.

Dúvidas ou Sugestões

(VÍDEO) Homem é executado a tiros após ser perseguido de carro, no litoral

Na tarde desta sexta-feira (16), um homem foi executado com vários tiros no bairro Perequê, em Porto Belo. Carlos César Favero da Silva estava em um posto de combustíveis. Imagens do próprio estabelecimento registraram o momento e que Carlos dirigia um Renault Sandero, de cor prata, e, atrás dele, seguia um VW/Jetta, de cor branca atirando em sua direção. Os dois veículos chegaram a dar voltas dentro do pátio do...
Continuar lendo...

Marcelo Queiroga fala em nova onda de covid-19 e união com estados

O indicado para dirigir o Ministério da Saúde, Marcelo Queiroga, fez um pronunciamento hoje (16) na porta do órgão juntamente com o titular que deixará o comando, Eduardo Pazuello. Queiroga falou sobre a existência de uma nova onda da pandemia. "No momento, vivemos uma nova onda da pandemia, com muitos óbitos, em que é preciso melhorar a qualidade de assistência em cada um dos nossos hospitais, sobretudo nas unidades de...
Continuar lendo...

UNIFEBE lamenta o falecimento do proprietário da Cantina do Nino, José Schmitz

O Centro Universitário de Brusque (UNIFEBE) lamenta o falecimento do proprietário da Cantina do Nino, senhor José Schmitz, aos 65 anos.  Nino ou Zé, como era popularmente conhecido entre acadêmicos, professores e colaboradores da UNIFEBE, morreu no início da noite desta sexta-feira, 9, no Hospital Imigrantes, após três anos de luta contra o câncer e complicações cirúrgicas.  Fundou em 1986, o primeiro...
Continuar lendo...