Desfalcado e sem jogar bem, Brusque perde a primeira no Catarinense

Na tarde desta quarta-feira (3), o Brusque viajou até o Oeste do estado para enfrentar o Concórdia em confronto válido pela terceira rodada do Campeonato Catarinense. O Quadricolor foi derrotado por 2 a 1. Os gols do Concórdia foram marcados por Alan Grafite, aos 35 do primeiro tempo e Alisson, aos 24 do segundo tempo. Bruno Mota, aos 42, fez o gol do Brusque. Com vários desfalques por lesão e covid-19, o Bruscão conheceu seu primeiro resultado negativo na temporada 2021.

Sem nenhum ponto na tabela, o Galo do Oeste saiu a pressionar o Brusque já na saída de bola. Aos 5 minutos, o Quadricolor tomou o primeiro susto na partida. Michel entrou na área e ficou cara a cara com Ruan Carneiro, que saiu bem e fez grande defesa após potente chute do camisa 9 do Concórdia.

O jogo começou truncado, com muitas faltas já nos primeiros minutos. Aos 12, em um contra ataque rápido, Thiago Alagoano partiu em velocidade e tentou mandar por cima do goleiro, mas Rodrigo Milanez afastou a bola e mandou para escanteio.

O time do Oeste levava perigo nas bolas aéreas com Alisson. O camisa 2 deu trabalho para a defensiva Quadricolor através de cruzamentos com efeito. Com muita imposição física, o Galo sufocava o Brusque no campo de ataque, mas esbarrava na eficiente marcação da equipe do Vale e na falta de qualidade no ataque. Aos 24, Vinícius Baiano cruzou na medida para Michel, mas Airton chegou no momento exato para cortar. Um minuto depois Warley acertou belo chute de fora da área e Ruan Carneiro fez uma linda defesa, evitando o primeiro gol do Concórdia.

O Brusque tentou responder aos 34, com Rodolfo Potiguar, em chute de longa distância, mas a bola saiu pela linha de fundo. Na sequência, o Concórdia ligou o contra ataque rápido, Alan Grafite recebeu passe açucarado de Warley e sozinho tocou na saída de Ruan Carneiro, abrindo o placar para o Galo.

Apático em campo, o Brusque não conseguia encaixar as jogadas de ataque e sofria com a forte marcação do Concórdia. Mesmo assim, aos 43, em cobrança de escanteio, o Quadricolor quase chegou ao empate após cabeceio de Everton Alemão que passou raspando a trave adversária defendida por Neto Volpi, primo de Tiago Volpi, goleiro do São Paulo. As equipes foram para o intervalo com a vitória do Concórdia por 1 a 0.


Segunda etapa

O Brusque voltou ao campo de jogo disposto a reagir. Mas o Concórdia, com a vantagem, se fechava e com muita força física bloqueava os ataques do Quadricolor. Aos 3 minutos, Bruno Alves cruzou na área e Bruno Mota trombou com o zagueiro do Concórdia. O Bruscão pediu pênalti, mas o árbitro nada marcou.

Aos 5, Marco Antônio fez uma bela jogada e encontrou Thiago Alagoano na área, mas a defesa do Concórdia afastou a bola antes que o camisa 10 do Brusque pudesse concluir.

Aos 10, Gabriel Peres cobrou falta com força e Ruan Carneiro apareceu novamente com outra grande defesa. Dois minutos depois, o Brusque respondeu com Thiago Alagoano após bate rebate dentro da área, mas a bola passou por cima do gol de Neto Volpi.

O Bruscão apresentou uma melhora na partida e passou a ter mais a posse da bola, empurrando o Concórdia todo para seu campo de defesa. Entretanto, estava difícil entrar na zaga do Galo, seja pelas laterais ou até mesmo por dentro.

Aos 23, após cobrança de escanteio, Bruno Mota cabeceou forte e foi a vez de Neto Volpi fazer grande defesa.

Aos 24, o segundo do Concórdia. Warley mais uma vez apareceu com uma bela assistência, deixando Alisson na cara do gol, deslocando Ruan Carneiro.

O Concórdia teve um gol anulado, aos 27. Vinicius Baiano chutou, Ruan Carneiro espalmou e Michel cabeceou para as redes vazias. Ele, porém, empurrou Everton Alemão e o árbitro anulou o gol por falta.

O técnico Jersinho decidiu lançar o jovem Pepê aos 39 do segundo tempo. Ele entrou no lugar de Marco Antônio.

Aos 42, o Brusque conseguiu enfim chegar ao gol. Fio levantou na área, Bruno Mota disputou a bola com a zaga do Concórdia e concluiu para o gol.


A equipe do Oeste tratava de manter a posse de bola no campo de ataque, tentando gastar o tempo que restava. O Brusque pediu pênalti em jogada aos 46. Thiago Alagoano recebeu livre e foi derrubado na área. Porém, o camisa 10 do Brusque estava em posição de impedimento e por isso a penalidade não foi marcada.

O Brusque não encontrou forças para buscar o empate e perdeu a primeira partida no estadual, após duas vitórias nas duas primeiras rodadas. O Quadricolor ficou na bronca com a arbitragem pela não marcação do pênalti. Os jogadores e comissão partiram para cima do árbitro e Bruno Mota recebeu o cartão vermelho.


Concórdia (2) - Neto Volpi; Alison (Kauê), Rodrigo Milanez, Gabriel Peres, Paulo Henrique; Lucas Silva, Emerson Martins; Alan Grafite (Vinicius), Warley (Bryan), Vinícius Baiano (Paulinho); Michel.

Técnico: Emerson Cris

 

Brusque (1) -  Ruan Carneiro; Toty, Claudinho, Everton Alemão, Aírton; Nonato (Tinga), Rodolfo Potiguar (Andrew); Bruno Alves (Fio), Thiago Alagoano, Marco Antônio (Pepê); Bruno Mota.

Técnico: Jerson Testoni

Gols:  Alan Grafite e Alison [C], Bruno Mota [B]

 

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Em jogo truncando Brusque empata fora de casa com a Chapecoense

O Brusque FC entrou em campo nesta quarta-feira (31) pela 7º rodada do Campeonato Catarinense. Na Arena Condá, a partida não teve gols e terminou 0 a 0. A equipe quadricolor somou um ponto fora de casa. O Brusque segue na vice-liderança com 14 pontos.  Nos primeiros minutos as duas equipes se empenharam na marcação, com poucas chances de gols. Aos 8 minutos o primeiro chute foi do Brusque com Maurício Garcez, sem muito perigo para o gol do...
Continuar lendo...

Prazo para pagamento parcelado termina no dia 10 de março

Os proprietários de veículos com placas que terminam em 3 que optarem por pagar o IPVA em três vezes sem juros devem quitar a primeira parcela até esta quarta-feira, 10 de março. Os contribuintes com veículos placas final 2 devem pagar a segunda parcela do imposto também no dia 10.  Em 2021, os catarinenses que têm automóveis estão pagando 5,53% a menos de IPVA do que no ano passado. O índice acompanha a tabela...
Continuar lendo...

Pré-selecionados do Prouni têm até sexta para comprovar informações

Os estudantes pré-selecionados em lista de espera do processo seletivo do Programa Universidade para Todos (Prouni), edição do 1º semestre de 2021, têm até a sexta-feira (12) para comprovar as informações da inscrição para obter a bolsa para uma das opções de curso escolhidas. A documentação comprobatória de que o pré-selecionado atende aos critérios do Prouni deve ser entregue...
Continuar lendo...