"As vítimas da sociedade somos nós", afirma homem que sofreu tentativa de roubo no Santa Terezinha

Vítima de uma tentativa de roubo na manhã da última segunda-feira (1), no bairro Santa Terezinha, Gilberto Rosado, concedeu entrevista à Rádio Cidade, relatando os momentos antes, durante e depois do crime. 

Rosado conta que estava sentado em seu local de trabalho quando notou a presença de alguém nas imediações. Inicialmente, ele pensou que fosse algum de seus filhos, porém, ao se virar, recebeu um golpe na cabeça com uma barra de ferro do agressor, um adolescente de 14 anos. “Minha reação automática foi correr atrás dele, mas ele pulou o muro e foi embora”, relembra. 

Sangrando muito, ele pediu socorro e logo os vizinhos chamaram os Bombeiros e a Polícia. “Poderia ter sido pior, fatal. Se não fosse Deus, hoje estariam anunciando minha morte. Não sei o que podemos fazer diante dessa situação, talvez se propuser leis diferentes. Hoje sou eu, na semana passada foi outra pessoa. As vítimas da sociedade somos nós, não eles. Eles se aproveitam desse discurso de vitimização, mas somos nós as vítimas, os pais de família que trabalham e que de uma hora para outra podem deixar de existir por causa de um elemento desses”, reclama. 

O publicitário de 41 anos afirma que o incidente foi um susto grande, mas que felizmente o golpe recebido na cabeça não deixou nenhuma lesão mais grave. Ele entende que o agressor queria fazê-lo desmaiar para poder praticar o roubo. De acordo com ele, o objeto de metal tinha um prego em uma das extremidades. “Eu fui rápido, na hora que eu virei e ele me acertou, eu já saí correndo atrás dele. Brusque é uma cidade acolhedora, estou aqui há 11 anos, tem muita gente boa, mas também tem muita gente ruim, infelizmente”, lamenta. 

Rosado revela também que nunca havia visto o agressor antes, mas que vizinhos relataram que ele já havia entrado em outras residências pela rua. “Ele não nasceu um bandido, foi formado. E o pai dele? Agora é muito fácil lavar as mãos. Teve 14 anos para criar essa criança que hoje é um delinquente. É muito fácil jogar agora para a sociedade, os pais também tem culpa, não teve estrutura familiar”, aponta.

O autor de 14 anos foi abordado e apreendido. Em entrevista, ele relatou que entrou na residência na com a intenção de roubar alguns objetos da vítima. Também confessou que no mês de fevereiro cometeu outro crime de furto em residência, mas no bairro Santa Rita, subtraindo da casa da vítima R$ 4 mil reais. 
Por fim, informou ser natural do estado no Pará, onde já havia cometido uma tentativa de furto a residência. Que reside em Brusque há três meses. Diante dos fatos, o menor foi apreendido e conduzido s Delegacia de Polícia para os procedimentos legais.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Vereadores debatem falta de vagas nas creches e propõem alternativas

O tema vagas  creches voltou a nortear as falas de vereadores na Câmara Municipal de Brusque. Na sessão desta terça-feira (16), o assunto pautou requerimentos e propostas para que a Secretaria de Educação adote medidas para ampliar a demanda de vagas. O vereador Deivis da Silva (MDB), por exemplo, encaminhou um documento para que a Prefeitura veja a possibilidade de utilizar as instalações do prédio onde ficava o antigo...
Continuar lendo...

22 de março: Dia Mundial da Água

Anualmente, no dia 22 de março, é celebrado o Dia Mundial da Água. A água é um recurso natural essencial para a sobrevivência de todos os seres vivos do planeta. A espécie humana utiliza-a de diversas formas, dentre elas podemos destacar o uso para higiene pessoal, produção de alimentos e consumo direto. Diante disso, podemos afirmar que, além da disponibilidade de água, é essencial que ela seja de qualidade. Ana...
Continuar lendo...

Emprestado pelo Brusque, Ruan é afastado no Hercílio Luz por indisciplina

A diretoria do Hercílio Luz afastou dois jogadores do restante do grupo que disputa o Campeonato Catarinense. Os volantes Luanderson e Ruan. Por enquanto, a dupla não participa dos treinos comandados pelo técnico Marcelo Caranhato.  Ruan pertence ao Brusque e está emprestado ao clube do sul do estado. A tendência é que o jogador sejadevolvido ao Quadricolor.  Carlos Beuting, vice-presidente do clube, revela os planos do Bruscão...
Continuar lendo...