Covid-19 - Governo anuncia restrições em praias, casas noturnas e ônibus

O Governo do Estado anunciou nesta quarta-feira, 24, novas medidas de enfrentamento à Covid-19 em Santa Catarina. Os protocolos de saúde, previstos em decreto, têm o objetivo de desacelerar a curva de contágio da doença em um momento de alta taxa de ocupação dos leitos clínicos e de UTI no Estado. As medidas entram em vigor nesta quinta-feira, 25, e valem por 15 dias.
Conforme o Decreto No 1.168, as novas medidas levam em consideração o agravamento do cenário epidemiológico, principalmente em termos de pressão hospitalar e ocupação de leitos de UTI. Entre os motivos técnicos que embasam o decreto, observa-se a necessidade de redução no número de casos ativos, promovidos por meio do reforço nas medidas de prevenção, como uso de máscaras, higienização das mãos, ambientes seguros e arejados e, principalmente, reforço nas medidas de distanciamento social, evitando aglomerações que podem dispersar rapidamente o vírus na comunidade. Além disso, o Governo anunciou nessa semana reforço na fiscalização e quase R$ 1 bilhão em recursos para medidas de enfrentamento à Covid-19.

“O momento exige, novamente, a adoção de medidas de prevenção e a conscientização de cada cidadão para controlarmos o avanço da doença. O Estado tem atuado com agilidade e empenho em várias frentes de combate, de modo a proteger a vida, garantir o convívio seguro e a manutenção dos serviços e atividades essenciais à população”, frisa o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro.

Entre as medidas, está a proibição, por quinze dias, das atividades em casas noturnas e casas de espetáculos e a limitação da venda e consumo de bebidas alcoólicas em postos de combustíveis e suas lojas de conveniência entre 00h e 06h. Ambas medidas valem em todos os níveis de risco.

As aulas da rede pública estadual e o funcionamento do ensino presencial estão mantidos em todo o Estado, conforme regulamentação em vigor. No transporte coletivo municipal, intermunicipal e interestadual, a limitação da ocupação dos ônibus é de 50% de passageiros sentados, em todos os níveis de risco.

As medidas também contemplam a redução do limite de funcionamento para 25% de ocupação, em todos os níveis de risco, das atividades de parques temáticos e zoológicos, cinemas e teatros, circos e museus e igrejas e templos religiosos.

Ainda há modificação nos limites de ocupação e horários para eventos sociais, bares e estabelecimentos comerciais como restaurantes, shoppings centers e academias. 

Vale destacar que os municípios do Estado poderão estabelecer medidas específicas de enfrentamento mais restritivas do que as previstas no Decreto, a fim de conter a contaminação e a propagação do Covid-19 em seus territórios. O documento publicado nesta quarta-feira, 24, ainda estende o decreto de calamidade pública para enfrentamento da pandemia de Covid-19, até o dia 30 de junho de 2021, em todo o território catarinense.

A Secretaria de Estado da Saúde irá regulamentar as medidas em protocolos e regramentos sanitários específicos. O decreto estabelece que a fiscalização do cumprimento das medidas ficará no a cargo da Polícia Militar e da Polícia Civil de Santa Catarina, sem prejuízo da atuação de órgãos com competência fiscalizatória específica federais, estaduais e municipais.

 

Dúvidas ou Sugestões

Homem é preso após tentar atropelar mulher por 3 vezes

Nesta quinta-feira (01) em Gaspar a Polícia Civil logrou êxito em prender um homem de 28 anos, acusado por crime de feminicídio tentado e pelo descumprimento de medida protetiva contra a ex-mulher. Conforme os autos, o homem no dia 28 de fevereiro inconformado com o fim do relacionamento ameaçou a mulher de morte. Após ameaças, e agressões, foi concedida a vítima uma medida protetiva que proibiu a aproximação do agressor...
Continuar lendo...

Incêndio causa danos materiais em loja de roupa, em Brusque

Por volta das 02h41 as guarnições dos Bombeiros foram acionadas para um incêndio em uma loja de roupas na Rodovia Antônio Heil, próximo a FIP, no bairro Santa Terezinha. No local a corporação percebeu que o fogo estava no teto da edificação e depois acabou atingindo as demais estruturas do local.   Os bombeiros usaram os métodos necessários para controlar as chamas. Após o trabalho os bombeiros deixaram o...
Continuar lendo...

Botuverá registra o quinto óbito por Covid-19

A Prefeitura de Botuverá informou o quinto óbito no município por Covid-19. A vítima, que faleceu nesta terça-feira (02/03), é um homem de 54 anos que estava internado desde o dia 02/02/21. O paciente era hipertenso e portador de doença cardíaca. A vítima apresentou os primeiros sintomas de Covid-19, no dia 23/01/2021. Foi atendido no Centro de Triagem Municipal no dia 26/01, apresentando tosse, irritação na garganta e...
Continuar lendo...