Campanha Salve a Laurinha consegue arrecadar R$ 12 milhões

Acabou a agonia. A menina Laurinha vai conseguir tomar a dose do medicamento considerado o mais caro do mundo no tratamento contra a Atrofia Muscular Espinhal (AME). A campanha que buscava arrecadar R$ 12 milhões foi encerrada ontem, quarta-feira (10).

O comunicado foi feito pela família da menina, que é de Nova Trento, nas páginas da ação nas redes sociais. O valor foi alcançado pouco menos d eum ano após a campanha ter sido lançada. Diversas ações por vários municípios do estado auxiliaram na arrecadação, além da doação de pessoas físicas e empresários.

Na última semana, a família anunciou que estava negociando a compra do medicamento e que estava próximo de finalizar o processo.

“Sem palavras para esse momento, sonhamos tanto com esse dia que nossos corações estão prestes a explodir de tanta alegria e gratidão. Obrigada, obrigada e obrigada milhões de vezes!

 

Pedimos que continuem conosco e tenham um pouquinho de paciência, estamos organizando toda parte burocrática para compra e importação do medicamento. Vamos compartilhar tudo com vocês ao longo dos dias”, dizia um comunicado na página da menina no Facebook.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões