Vereadores questionam autorização de reajuste na taxa de lixo em Brusque

O reajuste na taxa de lixo de Brusque foi um dos principais assuntos da sessão da Câmara Municipal desta terça-feira (9).  Manifestaram-se sobre o assunto os vereadores Marlina Schissl  (PT), Jean Pirola  (PP) e Deco Batistti (PL).

Para vereadora Marina, a situação atual da pandemia faz com que não seja apropriada aprovação, por parte da prefeitura, do reajuste da tarifa, conforme foi anunciado há alguns dias. Segundo ela a vírgula é preciso se ter e levar em consideração a situação de muitas famílias prejudicadas por conta da situação.

Já o vereador Jean Pirola defendeu o reajuste. Segundo ele a empresa que faz a correta dos resíduos você custas e estes também sofreram o mesmo tipo de reajuste. Além disso, segundo ele a questão deve ser discutida não apenas do ponto de vista da coleta de lixo ou, mas sobre outros fatores. O tratamento e a destinação de resíduos sólidos é um deles. Pirola ainda enfatizou que Brusque não possui tratamento de esgoto e que isso vai ocorrer futuramente sendo mais um custo que a população terá que arcar. "E se não tivéssemos a coleta de lixo? Teríamos um problema de saúde (pública)", frisou ele na trinuna.

Já o vereador Deco disse que uma situação apontada durante a campanha eleitoral pelos cidadãos Foi quanto a cobrança dos valores da taxa de acordo com a quantidade de imóveis no terreno. Caso inclusive já relatado aqui pela Rádio Cidade em reportagem há três anos.

A situação apontada por Deco também foi reforçada pelo vereador Nick Imhof (MDB), líder do governo no Legislativo.

"Eu tenho um salão de festas no fundo de casa e aí vem a cobrança de duas taxas, como se fossem dois imóveis. É preciso verificar isso também", destacou ele.

O vereador Rick Zanatta (Patriota) foi enfático ao afirmar o que é preciso rever a questão do valor da taxa. Segundo ele, cidades de maior porte, como Blumenau, possuem um valor bem menor do que Brusque. Na avaliação dele, é urgente que se reveja questões do contrato, que expira em alguns anos, exigindo que a empresa executora do serviço, a Recicle e, se adeque à realidade.

Esta não é a primeira vez que problemas relacionadas à cobrança da taxa de lixo ecoa na Câmara de Brusque. O assunto foi levantado em outras legislaturas, mas não teve procedimento. 

Entre os vereadores que abordaram na tribuna o assunto estão Marcos Deichmann (Patriota), Norberto Maestri (MDB) e Marli Leandro (PT) .

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Três carros colidem na Rodovia Antonio Heil, em Brusque

Três veículos se chocaram na Rodovia Antonio Heil, Centro de Brusque, na manhã desta terça-feira (16). O acidente aconteceu por volta de 10h, próximo da Havan. De acordo com ifgnromações colhidas pela reportagem Cidade no local, o acidente envolveu um veículo Fiorino, placas de Bel Horizonte (MG), um Citröen, de Gaspar, e um Chevrolet Tracker, de Tijucas. O condutor da fiorino foi levado pelos bombeiros ao hospital. Ele...
Continuar lendo...

Motorista perde controle da direção e derruba poste de alta tensão

Um acidente aconteceu na madrugada deste domingo (14),  próximo ao Aero Porto Fazenda, na rua Abraão de Souza e Silva, e foi registrado por um ouvinte da Rádio Cidade.  O motorista que não estava mais no local, perdeu o controle da direção, bateu num poste de alta tensão arrancando muitos fios, conforme o relato do ouvinte.  O veículo com placas de Gaspar, ainda se encontrava no local na manhã deste...
Continuar lendo...

Chuva causa alagamento e interdita Avenida 1º de maio

A forte chuva que atingiu Brusque, no início da manhã deste domingo (28) causou pontos de alagamentos no Centro.  Na Avenida Primeiro de Maio sentido centro e bairro o trânsito está interditado. A orientação para os motoristas é que redobrem a atenção, evitando a avenida nos dois sentidos.  Alerta A Defesa Civil alerta para o volume de chuvas que podem ser altos.  Chuva persistente, moderada a forte em alguns...
Continuar lendo...