Saque de R$ 1.100 do PIS/Pasep é antecipado em 1 mês; veja se tem direito


O governo antecipou para 11 de fevereiro o saque de até R$ 1.100 do abono salarial do PIS/Pasep para empregados de empresa privada nascidos em maio e junho e para funcionários públicos com inscrição de final 8 e 9 no Pasep. O calendário antigo previa que esses trabalhadores receberiam apenas em 17 de março. Com a antecipação publicada nesta sexta-feira (5) pelo Ministério da Economia, todos os que têm direito ao abono referente ao ano de 2019 terão o saque liberado até 11 de fevereiro.

A resolução também define que os empregados de empresa privada com direito ao abono do PIS que são correntistas da Caixa receberão crédito em conta a partir de 9 de fevereiro. O mesmo acontecerá para os funcionários públicos com direito ao abono do Pasep que são correntistas do Banco do Brasil. O pagamento é para quem trabalhou com carteira assinada ou como funcionário público em 2019. Para ter direito, é preciso preencher alguns requisitos, como ter recebido em média até dois salários mínimos por mês. O calendário do abono para quem trabalhou em 2020 ainda não foi divulgado.

A resolução também define que os empregados de empresa privada com direito ao abono do PIS que são correntistas da Caixa receberão crédito em conta a partir de 9 de fevereiro. O mesmo acontecerá para os funcionários públicos com direito ao abono do Pasep que são correntistas do Banco do Brasil. O pagamento é para quem trabalhou com carteira assinada ou como funcionário público em 2019. Para ter direito, é preciso preencher alguns requisitos, como ter recebido em média até dois salários mínimos por mês. O calendário do abono para quem trabalhou em 2020 ainda não foi divulgado.

Para saber se tem direito ao abono salarial, é possível fazer a consulta das seguintes maneiras: 

PIS (trabalhador de empresa privada): No Aplicativo Caixa Trabalhador No site da caixa (www.caixa.gov.br/PIS), clique em "Consultar pagamento" Pelo telefone de atendimento da Caixa: 0800 726 0207 

Pasep (servidor público): Pelos telefones da central de atendimento do Banco do Brasil: 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas); 0800 729 0001 (demais cidades) e 0800 729 0088 (deficientes auditivos).

Fonte: agência

 

Dúvidas ou Sugestões