PM de Brusque prende envolvido em assassinato de ex-prefeito em cidade baiana

No início da tarde desta terça-feira (2), a Polícia Militar de Brusque prendeu um foragido da justiça suspeito de envolvimento da morte de prefeito na cidade de Aurelino Leal, no estado da Bahia, em 2007.

A PM se deslocou até uma casa no bairro Steffen, após receber denúncia que o homem estaria residindo no local. Os policiais intensificaram as rondas e conseguiram realizar a prisão do envolvido, na rua Flávio Luz. Contra ele, havia um mandado de prisão pelo crime de homicídio, expedido pelo Tribunal de Justiça da Bahia. O foragido foi preso e conduzido a Unidade Prisional Avançada (UPA).

Gilberto Ramos de Andrade, então prefeito de Aurelino Leal, foi assassinado no dia 8 de maio de 2007. Ele recebeu dois tiros no peito, após ser abordado por dois homens em um veículo.  

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Brusque anuncia contratação de Dalberson; goleiro e Alex Ruan já estão no BID

O Brusque anunciou no fim da tarde desta terça-feira (9) a contratação do goleiro Dalberson, que estava no Joinville. O arqueiro de 24 anos já treinava com o elenco desde a semana passada.  Dalberson foi regularizado no Boletim Informativo Diário (BID) e está à disposição do técnico Jersinho para a estreia no Campeonato Catarinense, no dia 24, contra o Marcílio Dias, em Itajaí. O novo goleiro do...
Continuar lendo...

Visita do prefeito, eleição do corregedor e das comissões marcam primeira sessão

A Câmara Municipal de Brusque retomou as atividades em plenário na noite desta terça-feira (2). A sessão, de forma presencial, teve a presença do prefeito Ari Vequi e de um grande público na plateia, a maioria familiares dos vereadores e representantes de entidades locais. Durante cerca de 20 minutos, o prefeito Ari Vequi abriu oficialmente o ano legislativo, ato já tradicional no reinício das atividades parlamentares. No discurso,...
Continuar lendo...

Coronavírus em SC: Forças policiais continuam fiscalização

Após um fim de semana de 31 horas de fiscalização e monitoramento para manter as medidas sanitárias contra a propagação da Covid-19 em Santa Catarina, Polícia Militar e Polícia Civil seguem nesta semana realizando ações e recebendo denúncias de descumprimento dos decretos. Nos últimos sete dias, a Polícia Militar realizou 12.742 fiscalizações e interditou 34 estabelecimentos comerciais,...
Continuar lendo...