Eventos esportivos coletivos só devem ser retomados em Guabiruba depois da vacina

A Secretária de Esportes, Lazer e Assuntos para a Juventude de Guabiruba, Marcia Hochsprung Watanabe, em entrevista à Rádio Cidade durante a apresentação do secretariado na terça-feira (12), falou dos desafios para a secretaria tendo em vista a pandemia.

Márcia afirmou que a retomada das aulas presenciais poderá trazer algumas atividades de volta, mas ela é clara, e, diz que tudo deverá ser feito de forma cautelosa. “A tendência começando as aulas, o Caratê, por exemplo, que é um esporte individual vai ser retomado, as escolinhas de futebol vamos tentar achar uma alternativa de dar aula sem o jogo em si, que teria o contato físico, fazer de forma diferente. Juntos com as aulas presenciais vamos tentar voltar os esportes educacionais também, mas com muita cautela e cuidado”, afirmou ela.

A realização de eventos esportivos coletivos, Márcia, disse que só deve retornar com a chegada da vacina. “A parte coletiva, campeonatos, Jogos Comunitários, penso que antes de ter a vacina fica impossível de retomar. São esportes de contato, e a gente precisa ter todo o cuidado com isso. Acredito que não seja o momento de voltar com essas atividades. Penso que até junho a vacina já seja uma realidade e daí sim podemos pensar em voltar”.

Finalizando ela chamou a atenção para outro ponto, a questão física dessas crianças. Conforme ela, o período parado pode ter prejudicado alguns aspectos. “É preciso ter atenção nesse retorno das atividades com as crianças, eles regrediram 90% com essa parada de quase um ano. Mesmo tendo as aulas online, eles ficaram muito tempo parados, então é preciso reaprender essas crianças a fazerem exercícios, correr, saltar, como se fosse uma fisioterapia para na frente não termos consequências”, ressaltou Márcia.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Grupo Havan registra lucro de R$153,2 milhões no primeiro trimestre de 2021

O Grupo Havan registrou um lucro líquido abrangente de R$153,2 milhões no primeiro trimestre de 2021 e um faturamento bruto de R$2,25 bilhões. Em comparação ao mesmo período do ano anterior, o resultado representa um crescimento de 175%.  Compõem o Grupo Havan, a rede varejista de megalojas Havan (Havan SA), Fundos de Investimentos, Holding Imobiliária, Postos de Gasolina e Centrais Hidrelétricas. É importante...
Continuar lendo...

Nas últimas 24 horas foram registrados 37 novos casos de Covid-19, em Brusque

O novo boletim epidemiológico, divulgado nesta terça-feira (26), aponta que Brusque tem 15.321 casos confirmados de Covid-19. Nas últimas 24 horas foram registrados 37 novos casos da doença. Do total já registrado,14.859 pessoas já estão recuperadas. Há 342 casos ativos. A cidade tem no momento 12 pacientes internados na UTI e 08 em enfermaria. Há 181 casos em investigação e 797 pessoas monitoradas em...
Continuar lendo...

Grupo LGBTQIA+ realiza manifesto na Câmara de Brusque

A sessão desta terça-feira (10) na Câmara Municipal de Brusque foi marcada pela presença de um grupo de pessoas ligadas ao movimento LGBTQIA+. O Movimento Clã Livre de Armários marcou presença em apoio a discurso da vereadora Marlina de Oliveira Schiessl (PT) na tribuna, em que ela fez a defesa do movimento e pediu respeito à diversidade sexual. A motivação foi um requerimento do vereador Jean Pirola (Progressista), que...
Continuar lendo...