(VÍDEO) Assembleia vai discutir proposta de venda de imóvel da antiga Schlösser

No próximo domingo (17), às 9h da manhã, acontece uma assembleia para decidir a venda ou não do imóvel pertencente à antiga Companhia Industrial Schlösser, de Brusque. O imóvel está localizado na avenida Getúlio Vargas, no Centro, e é um dos dois que foram penhorados pela justiça para pagar dívidas trabalhistas com os ex-funcionários, a partir do fechamento da empresa em 2010.

Os bens estão sendo administrados pelos sindicatos dos trabalhadores nas indústrias têxteis, Sintrafite, e dos mestres e contramestres, Sidmestre. A proposta de compra foi feita por representantes da empresa Havan, que já adquiriu outra parte dos imóveis da companhia situados em frente a este.

O presidente do Sintrafte, Anibal Boettger, relata que recebeu proposta para compra do espaço na última semana. Ele, juntamente com o presidente do outro sindicato, Valdírio Vanolli, foram nomeados pela justiça como admistradores dos bens referentes à divida com os ex-empregados.

“Como a proposta está próxima do valor de venda, conversei com o Valdírio Vanolli e decididos convocar os trabalhadores e trabalhadoras, legítimos donos destes imóveis, para apresentar a proposta deste interessado”, pontua ele.

O imóvel da Getúlio Vargas está avaliado em R$ 8 milhões, mas a empresa interessada em adquirir, a Havan, ofereceu sete milhões. O segundo terreno a venda, em outra área vale sete milhões. Trata-se da estrutura onde fica localizada a antiga Assocação da Schlösser, na Rua Henrique Hoffmann, no Centro II.

O presidente do Sindmestre, Valdirio Vanolli, conta que já houve proposta para a venda deste há alguns anos, mas ela foi rejeitada.

“Houve uma proposta em 2015, onde o Cisso (empresário Newton Patricio Crespi, da FIP), quis comprar aquele terreno. Mas a assembleia rejeitou e, depois disso, não houve mais proposta”, comenta ele.

No caso do Sindmestre, há em torno de 60 ex-funcionários, que atuavam na área admistrativa e de RH da empresa, que têm débitos a receber.

A assembleia acontece as 9h de domingo no auditório do Sintrafite, no Centro de Brusque. Todos os ex-funcionários com pendências a receber estão sendo chamados para a reunião. Ao todo, são 600 ex-empregados que tem débitos a receber, em uma dívida que ultrapassa R$ 15 milhões.

De acordo com os sindicatos, caso a venda seja aprovada, os ex-empregados receberão os valores de forma proporcional ao que têm a receber. Se o montante for alto, será pago em parcelas. A proposta da empresa interessada em adquirir o espaço é de que o pagamento dos R$ 7 milhões ocorra com um valor de entrada e o restante parcelado.

Vídeos

Venda de imóvel da Schlösser pagará dívidas trabalhistas"
Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Operação emergencial de tapa-buracos do Samae atende 40 solicitações em quatro dias

A rotina das equipes de pavimentação do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Brusque foi intensa nesta semana. Ao todo, foram mais de 320 metros quadrados de asfalto colocados e 40 ordens de serviços atendidas na operação tapa-buracos que se iniciou na última segunda-feira, 11 de janeiro. A ação, solicitada ao Samae nos primeiros dias do ano pelo prefeito de Brusque, Ari Vequi, teve como objetivo...
Continuar lendo...

Defesa Civil divulga aviso meteorológico com possibilidade de grande volume de chuva

A Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil de Brusque divulga aviso meteorológico, emitido pela Defesa Civil Estadual, nesta segunda-feira (18), com a possibilidade de grande volume de chuvas a partir da noite desta segunda até a quarta-feira (20).  Conforme a previsão, a formação e deslocamento de sistemas de baixa pressão, que mantém o tempo instável e com chuva persistente. A chuva ocorre com intensidade moderada a...
Continuar lendo...

Colisão mata ciclista na Antônio Heil esta madrugada

A Polícia Rodoviária foi acionada na madrugada deste sábado (16), por volta das 2h10min para atender uma ocorrência de acidente de trânsito do tipo colisão traseira. O fato aconteceu na rodovia SC-486, no bairro Itaipava, em Itajaí. O ciclista estava em uma bicicleta, de cor verde, e não resistiu os ferimentos e veio a óbito no local. A vítima ainda foi identificada. O veículo envolvido no acidente não foi...
Continuar lendo...