Secretária diz que prefeitura não pode intervir

A secretária de Assistência Social e Habitação de Brusque, Patrícia Freitas, em entrevista ao Jornal da Cidade, edição desta quarta-feira (27), falou sobre o impasse que surgiu no Residencial Jardim Sesquicentenário, envolvendo alguns moradores inadimplentes com o condomínio e corte de água em seus apartamentos. Freitas afirmou que a prefeitura conferiu a todas as famílias que residem naquele complexo os princípios básicos como moradia, água e luz.

Além destes outras necessidades básicas foram fornecidas às famílias, como ampliação da escola, uma nova unidade básica de saúde, programas como Arte em Toda Parte, cesta básica, bolsa família, tarifa social da energia elétrica, entre outros. Os próprios moradores, em comum acordo após realização de assembléia, aprovaram um estatuto interno que determina regras aos condôminos. Entre estas estão as obrigações para com os valores a serem pagos em relação ao condomínio.

Patrícia Freitas reafirmou que a prefeitura não pode intervir naquele Residencial, que está sendo gerido por uma comissão de moradores e uma empresa, partes que aprovaram, em comum acordo, um estatuto próprio. Ouça a entrevista em áudio da secretária de Assistência Social e Habitação, Patrícia Freitas.

Dúvidas ou Sugestões

Uma tonelada de cocaína é apreendida no Porto de Itajaí

Mais de uma tonelada de cocaína foi apreendida no Porto de Itajaí, na tarde desta quarta-feira (3), em uma operação realizada pela Receita Federal com a ajuda da Polícia Federal de Itajaí. A droga estava escondida em uma carga de madeira no cais peixeiro. O contêiner onde o entorpecente foi encontrado estava com 1274 quilos. A carga tem origem da cidade de Canela (RS), o destino seria a Bélgica. Fiscais da Receita Federal desconfiaram do...
Continuar lendo...

Homem agride mulher com facão, mesmo após chegada da polícia

A Polícia Militar de Canelinha prendeu um homem que estaria espancando a própria esposa na tarde de ontem, quinta-feira (16). Ele usou, inclusive, segundo as informações repassadas à PM, um facão para atacar a vítima. A polícia foi acionada após vizinhos perceberem as agressões. Ela apresentava diversos hematomas e cortes nos braços, o que originou o registro de um boletim, ainda no local, por parte dos...
Continuar lendo...

Semi nu e incomodando a vizinhança na rua a noite toda

Policiais militar e foram chamados na manhã de domingo (3) no Bairro Rio Branco para averiguar um homem que estaria cometendo atos obscenos na Rua Paulo Certutti. O caso foi registrado por volta de 8h30. No local, os policiais localizaram um homem de 33 anos que estava caminhando pela rua só de cueca e com o pênis de fora. Um dos moradores, que acionou a polícia, disse que o homem andava pela rua desde a noite anterior, falando palavras desconexas. Moradores...
Continuar lendo...