54ª Pronegócio terá edição diferenciada em formato de shopping

Por conta das medidas necessárias para a prevenção da Covid-19, a Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região (AmpeBr) precisou, mais uma vez adaptar e reinventar a forma de realizar as rodadas de negócio, em especial a 54ª Pronegócio, que acontece nos dias 18 a 22 de janeiro, em parceria com o Sebrae/SC. Inicialmente prevista para ser realizada no Pavilhão da Fenarreco, a rodada está confirmada para a data, entretanto em novo local: no Shopping River Mall, em Brusque.

“A diretoria da AmpeBr está acompanhando diariamente a questão da Covid-19 e, preocupada com o aumento dos casos, optamos em mudar o layout do evento para garantir a saúde e a segurança de todos os participantes. Desta forma a rodada acontece em um novo formato, garantindo ainda mais o distanciamento e agendamentos individualizados entre compradores e vendedores, e permitindo a possibilidade de negociação”, comenta o presidente da entidade, Ademir José Jorge.

Estrutura e prevenção

Assim, a 54ª Pronegócio – Edição Shopping funcionará em um espaço de aproximadamente 2 mil m², com o tradicional showroom do evento, que apresentará peças da coleção Inverno 2021. Da mesma forma, a rodada terá os boxes de negociação, que serão distribuídos, de forma organizada e com distanciamento, nos espaços das salas comerciais vagas do River Mall.

“O comprador visita o showroom, sem aglomeração, e após os agendamentos já se direciona aos boxes, onde estarão os fabricantes, para a realização das negociações. E a estrutura do River Mall foi escolhida justamente para nos auxiliar nesse processo, já que a rodada terá o formato como o funcionamento de um shopping mesmo: onde o público se direciona até as lojas interessadas para a compra”, explica o presidente da AmpeBr.

Ao todo a 54ª Pronegócio conta com a confirmação de 120 segmentos de empresas de confecção da região de Brusque e de diversas cidades de Santa Catarina, da mesma forma que mais de 500 compradores de vários locais do país, garantindo assim a realização das negociações de forma agendada, sem aglomeração, durante os cinco dias de realização do evento.

“A AmpeBr se reuniu nas últimas semanas com representantes de diversos órgãos públicos, como Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária, Secretaria de Saúde de Brusque, entre outros, para garantir que a rodada possa ocorrer de melhor forma, dentro do que é previsto em lei e nos decretos Estaduais e Municipais, seguindo todas os protocolos de segurança. Temos certeza que as mudanças necessárias serão compreendidas por todos os participantes e as nossas expectativas são as melhores possíveis, para que as empresas do setor de confecção possam iniciar 2021 da melhor forma, com pedidos feitos e a garantia de produção, emprego e renda para todo o setor têxtil da região”, completa Ademir.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Já classificado, Brusque perde no Recife e encerra participação na Série C

O Brusque Futebol Clube não vai decidir o segundo título nacional em menos de dois anos. A equipe perdeu para o Santa Cruz na tarde deste domingo (17), em partida no Estádio Arruda, em Recife (PE), por 3 x 1, mas já está garantido na Série B.  Com isso, Vila Nova e Remo vão decidir o título. O gol do grupo que foi marcado por Thiago alagoano já no segundo tempo. Pipico, Victor Rangel e Wilian Alves anotaram para o...
Continuar lendo...

Matriz de Risco aponta 10 regiões em estado gravíssimo e seis em nível grave

A Matriz de Risco Potencial divulgada na quinta-feira, 07, pelo Governo de Santa Catarina e Secretaria de Estado da Saúde (SES) classifica 10 das 16 regiões de saúde catarinenses como em alerta gravíssimo (cor vermelha) para transmissão do novo coronavírus. No boletim anterior, eram 12 locais neste patamar. As outras seis regiões estão em estado grave (cor laranja). O Alto Uruguai Catarinense, Alto Vale do Itajaí, Extremo Oeste,...
Continuar lendo...

Santa Catarina recebe recursos para gestão de lixo

Municípios de Santa Catarina e Alagoas vão receber recursos do Ministério do Meio Ambiente (MMA) para implementar e melhorar a gestão do lixo em suas cidades. Em Alagoas, o município a receber o dinheiro é o de Arapiraca. O montante vai ser usado em ações de educação ambiental e assessoria técnica especializada para capacitação de catadores de lixo. Em Santa Catarina, os recursos também...
Continuar lendo...