Brusque joga bem, mas fica no empate com o Santa Cruz

O Brusque Futebol Clube estreou na tarde deste domingo (13) na segunda fase do Brasileiro da Série C. O time recebeu a equipe do Santa Cruz no Estádio Augusto Bauer, fez uma partida bem melhor que as últimas, mas não conseguiu sair do zero no placar. 

As duas equipes fizeram um primeiro tempo truncado, sem apresentar perigo ao adversário. O Brusque, por exemplo, conseguiu se defender, mas não armar o ataque. Uma partida de muita marcação de ambos os lados, dificultando a fluidez dos ataques nos dois lados do campo. 

O marreco chegou com perigo pela primeira vez aos 30 minutos. Rodolfo Potiguar recebeu a bola, ajeitou e chutou firme, forçando o goleiro Maycon Cleiton a espalmar para escanteio. Na cobrança, o Brusque não conseguiu aproveitar e ela morreu na linha de fundo.

Dois minutos depois, o time voltou a assustar o Santa Cruz. Em um cruzamento de Ronael, a bola quase entrou direto, pegando o arqueiro do adversário de surpresa.

O Santa Cruz respondeu na mesma altura. Bola na área do Brusque e Pipico cabeceou para baixo no gol de Ruan Carneiro, que tirou no reflexo. Na cobrança de escanteio, novamente o ataque do marreco não aproveitou e a bola foi para fora.

A prova do equilíbrio no primeiro tempo foi que os dois times voltaram para o segundo tempo com as mesmas formações, sem nenhuma alteração.

O Brusque manteve controle do jogo, mas não conseguiu articular jogadas de ataques que levassem perigo ao adversário. Com dificuldade de imprimir velocidade nas jogadas, o Santa Cruz não conseguia se impor no Estádio Augusto Bauer, o que facilitou as coisas para o marreco nos minutos iniciais da segunda etapa.

Para tentar dar mais velocidade ao time, o técnico Jerson Testoni fez três alterações de uma única vez aos 17 minutos. Índio, Neguette e Marco Antonio entraram nos lugares de Jeferson Renan, Escuro e Ronaell. No Santa Cruz, André susbtituiu Paulinho.

As mudanças surtiram efeito. O Brusque ganhou passou a ter maior posse de bola e chegar com mais perigo ao gol do Santa Cruz. Aos 29, Zé Mateus tenta com a esquerda, mas a bola passa por cima do gol.

Dez minutos depois, outra jogada na área do Santa Cruz. Mais uma vez Zé Mateus. Ele lança bola na área e Índio acerta cabeçada, mas a bola vai para fora.

Com seis minutos de acréscimo no jogo, o Santa Cruz tentou chegar, mas sem perigo. Com isso, o placar ficou no zero a zero.

O Brusque Futebol Clube volta a campo pela segunda rodada do torneio na próxima semana. Na segunda-feira (21), o time vai a São Paulo, onde enfrenta o Ituano, em Itu ,às 20h, no Estádio Novelli Júnior. Já o Santa Cruz recebe o Vilanova no Estádio Arruda, também às 20h.

FICHA TÉCNICA

BRUSQUE FUTEBOL CLUBE

Ruan Carneiro

João Carlos (Edilson)

Claudinho

Alemão

Ronaell (Neguette)

Zé Mateus

Rodolfo

Escuro (Índio)

Thiago Alagoano

Garcez

Jeferson Renan (Marco Antonio)

Técnico: Jerson Testoni

 

SANTA CRUZ FUTEBOL CLUBE

Maycon Cleiton

Toty

Danny Morais

Wilian Alves

Perí

Bileu

Paulinho (André)

Tinga (Leolan)

Didira (Jeremias)

Lourenço

Pipico

Técnico: Marcelo Martelotta

 

ARBITRAGEM

Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus

Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Carlos Henrique Alves de Lima Filho

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões