PEDEM fará estudo econômico de Brusque a cada seis mesess

O Projeto de Lei Ordinária nº 47/2020, que institui o Plano de Desenvolvimento Econômico Municipal de Brusque (Pedem), foi acatado por unanimidade, em primeira votação, pelos vereadores na sessão ordinária virtual de terça-feira, 8 de dezembro.

Trata-se de um documento que identifica e planeja eixos estratégicos que fomentarão a economia e o desenvolvimento sustentável da cidade nos próximos 15 anos.

"A partir do Pedem, haverá novas perspectivas de investimento no município, seja no segmento empresarial, industrial, comercial e até na área de serviços”, descreveu o prefeito Jonas Paegle (DC), em mensagem que acompanha a proposição encaminhada à Câmara Municipal.

Segundo o projeto, o Pedem deverá ser revisado a cada seis meses, levando em conta as possíveis mudanças de cenário. A proposição, a atualização e o monitoramento de ações ficarão a cargo de um Comitê de Governança composto por nove membros, entre representantes governamentais, do Observatório Social de Brusque (OSBr) e dos segmentos empresariais de Construção Civil, Educação, Tecnologia e Inovação, Têxtil, Confecção e Eletrometalmecânico.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões