Incêndio em carro deixa um homem ferido.

Na manhã desta sexta-feira (06), um carro pegou fogo na cidade de Brusque. 

O incêndio iniciou por volta das 10h42 em um veículo, um Uno com placa de Brusque, na rua Edgar Buettner, bairro Bateas. O condutor, um homem de 24 anos já estava fora do veículo quando o Corpo de Bombeiros chegou ao local. Por sorte, o homem apresentava apenas pequenas queimaduras e a criança foi retirada por ele ilesa do carro.

Foram utilizados aproximadamente 1000 litros de água e cinco de líquido gerador de espumas para conseguir apagar o fogo.

As causas do incêndio ainda são desconhecidas.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Hospital Dom Joaquim e Fundação de Esportes são beneficiados com verba parlamentar

Em reunião realizada na tarde desta quarta-feira (13), no gabinete do prefeito Ari Vequi, foi anunciada emenda parlamentar impositiva do deputado estadual, Fernando Krelling, no valor de R$ 350 mil. Do total, foram disponibilizados R$ 200 mil para o Hospital Dom Joaquim e R$ 150 mil para a Fundação Municipal de Esportes.  De acordo com o parlamentar, o recurso para o esporte foi um pedido do presidente da Câmara de Vereadores, Alessandro Simas. Já para a unidade hospitalar, do suplente...
Continuar lendo...

Projeto aumenta pena para estupro de vulnerável e cria garantias ao aborto legal

O Projeto de Lei 4550/20 obriga os órgãos de segurança pública a garantir a integridade física, a privacidade e as liberdades de locomoção e de manifestação da vontade de vítimas de estupro que decidirem pelo aborto legal no País. Estabelece ainda que a justiça deverá priorizar o julgamento de pedidos para a interrupção da gravidez de crianças ou adolescentes. O texto tramita na...
Continuar lendo...

Brusque e região passam para o nível gravíssimo na matriz de risco

O Governo de Santa Catarina e a Secretaria de Estado da Saúde divulgaram na quarta-feira (25), os dados da Matriz de Risco Potencial. Das 16 regiões de saúde avaliadas, apenas três delas, Extremo-Oeste, Alto Uruguai Catarinense e Foz do Rio Itajaí, não ficaram no Risco Gravíssimo – todas as outras 13 foram classificadas na cor vermelha, que é o mais alto nível de Risco, enquanto as três regiões ficaram na cor...
Continuar lendo...