Votação do relatório do impeachment já tem data

O desembargador Ricardo Roesler, presidente do Tribunal Especial de Julgamento, marcou para o dia 23 de outubro, uma sexta-feira, a sessão para discussão e votação do relatório, entregue na quarta-feira (7) pelo deputado Kennedy Nunes (PSD), referente à denúncia por crime de responsabilidade contra o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) e a vice Daniela Reinehr (sem partido) no reajuste salarial dos procuradores do Estado. A sessão será as 9 horas, no plenário da Assembleia Legislativa.

Conforme a assessoria de comunicação do Poder Judiciário de Santa Catarina, o magistrado também determinou, na manhã desta quinta-feira (8), a distribuição de cópias do relatório aos demais julgadores do tribunal, a Moisés e Daniela, bem como a publicação do documento no Diário Oficial da Assembleia, o que deve ocorrer até o final da tarde desta quinta. O governador e a vice também serão notificados da data da sessão.

O parecer foi disponibilizado aos julgadores e aos denunciados sem as conclusões do relator. O mesmo ocorrerá com a versão que será publicada no diário oficial.

Conforme o roteiro do tribunal do impeachment, no dia da sessão, Kennedy Nunes fará a leitura do relatório. Em seguida, será aberta a palavra ao advogado do autor da denúncia, o defensor público Ralf Zimmer Junior, e aos advogados de Moisés e Daniela.

Após as manifestações, o relator apresentará suas conclusões, na qual recomendará o acatamento ou não da denúncia. Na sequência, os demais julgadores da sessão farão a discussão do parecer. Caso os julgadores necessitem de mais esclarecimentos sobre as conclusões do relator, poderá ser concedida vista pelo prazo de cinco dias.

Para que o parecer seja aprovado, são necessários seis votos favoráveis. Caso o relatório recomende o acatamento da denúncia, e seja aprovado pelos membros do tribunal, Moisés e Daniela serão imediatamente afastados dos cargos por até 180 dias.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Caixa paga auxílio emergencial para nascidos em julho

A Caixa Econômica Federal paga hoje (16) o auxílio emergencial para 3,6 milhões de brasileiros nascidos em julho. Serão liberados R$ 1,6 bilhão para beneficiários que não fazem parte do Bolsa Família, no ciclo 3 de pagamentos do programa. Os pertencentes ao Bolsa Família recebem de acordo com o calendário do programa. Do total, 1,3 milhão receberão R$ 800 milhões referentes a parcela do auxílio...
Continuar lendo...

Brusque registrou 10 novos casos de Coronavírus nas últimas 24 horas

A Vigilância em Saúde de Brusque registrou 10 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas. Segundo o último boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (19) agora são 5.800 diagnósticos positivos. Destes, 5.693 são considerados recuperados e 49 ativos. Atualmente, 134 casos estão sendo investigados e 293 moradores são monitorados em suas residências. No hospital estão internados quatro pacientes em...
Continuar lendo...

"Temos que voltar, mas voltaremos com regras bem definidas"

O retorno às aulas na rede municipal de ensino de Brusque vai se dar com as turmas do no ano. Isso de forma gradativa, com base no que definir cada unidade escolar, a partir de conversas com as famílias dos estudantes. Palavras da secretária municipal da Educação, Eliani Aparecida Busnardo Buemo. Segundo ela, um formulário com questionamentos aos pais ou responsáveis está sendo enviado para que respondam sobre o tema. Até...
Continuar lendo...