Motorista transportava 11 pés de maconha dentro do porta-malas

Policiais militares de Botuverá tiveram uma surpresa ao abordar um veículo durante uma blitz na tarde da última segunda-feira (14). O motorista estava transportando 11 vasos com pés de maconha plantados nos mesmos.

De acordo com a PM, o flagrante aconteceu na Rua Humberto Mazzolli, principal via de acesso à cidade de Vidal Ramos, ainda no perímetro central de Botuverá. O homem, de 29 anos, estava em um Ford Fiesta.

Aos policiais, ele disse que era usuário de drogas e que estava levando as mudas para replantar em um sítio.

 Ele foi preso por tráfico de drogas.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Homem de 22 anos morre ao capotar veículo esta manhã

Um homem de 22 anos de idade morreu após capotar o veículo em que dirigia no final da madrugada deste sábado (19). O acidente aconteceu por volta das 6h30 da manhã, no km 3,7 da rodovia que liga a BR-101 ao município de Penha. De acordo com informações da Polícia Militar Rodoviária, o veículo Fiat Brava SX, de Navegantes, tinha, além do motorista, outras três pessoas. Duas delas foram levadas ao pronto-socorro...
Continuar lendo...

TJSC recebe processo de impeachment do governador e vice

A Assembleia Legislativa de Santa Catarina encaminhou na tarde desta sexta-feira (18) ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina, em Florianópolis, o processo de impeachment movido contra o governador Carlos Moisés da Silva e a vice Daniela Reinehr. Os autos do processo foram recebidos no protocolo administrativo pelo diretor-geral judiciário do Poder Judiciário de Santa Catarina (PJSC), Maurício Walendowsky Sprícigo.  A próxima...
Continuar lendo...

Moisés e Daniela podem ser afastados do cargo em até 10 dias

Um dia histórico para o estado de Santa Catarina. Nesta quinta-feira (17), a Assembleia Legislativa votou pelo prosseguimento do processo de impeachment do governador Carlos Moisés da Silva e da vice-governadora Daniela Reinehr. O caso diz respeito ao processo de autorização de equiparação salarial entre os procuradores do governo do estado com os da Assembleia Legislativa. O primeiro caso avaliado pelos deputados foi o da vice-governadora, cujo nome...
Continuar lendo...