Famílias perdem tudo no Paquetá

Duas famílias também perderam tudo o que tinham na rua Padre Antonio Eising, no bairro Paquetá. O terreno onde existem duas casas, e moram quase 15 pessoas, foi atingido pela forte enxurrada. Em poucos minutos tudo estava debaixo de água.
Para se salvar da enxurrada, todos subiram até o sótão da casa, onde havia duas camas e algumas coisas que não eram utilizadas. Dentro de uma das casas estavam uma mulher e uma criança.
A força da água fez com que uma das portas ficasse emperrada. Graças ao morador que reside na casa da frente, a mulher e a criança foram salvas. Segundo Jocelina Vargas, que reside há 15 dias em umas das casas, a tragédia poderia ser pior. "Perdemos tudo. Minha filha não tem nem o que vestir", lamenta. Ela pretende agora encontrar outra casa para alugar.
No local, o que se pôde ver foi muita lama e móveis, que viraram entulho.

Dúvidas ou Sugestões