Mais de 570 fizeram testes rápidos em Guabiruba desde ontem

Desde ontem, quarta-feira (9), a cidade de Guabiruba está aplicando testes rápidos para Covid-19 na população. São cinco mil deles, adquiridos pela Secretaria Municipal de Saúde. Imigrantes e Aymoré foram as duas regiões que deram a largada na ação.

De acordo com a secretária de Saúde, Patricia Heiderscheidt, está sendo feito apelo para que as pessoas busquem pelos testes, a fim de que se possa traçar um diagnóstico sobre a presença do vírus na cidade.

"A primeira etapa vai realizada dentro desse cronograma que estabelecemos, onde iremos até os bairros com a oportunidade de os moradores fazerem o teste. No fim desta programação, caso não venha a ser alcançada a meta desses cinco mil testes, vamos montar pontos fixos ou retornar aos bairros maiores", pontua ela.

Somente no dia de ontem, mais de 570 testes haviam sido realizados. Além de mostrar quem está infectado, eles também demonstram as pessoas que já tiveram conttao e estão recuperadas. 

Nesta quinta-feira (10), a equipe estará no bairro Guabiruba Sul, na Escola Ana Otilia Schlindwein. Nos próximos dias, os testes serão aplicados no bairro Lageado Baixo (sexta-feira), nas escolas Osvaldo Ludovico Fuckner e na Escola Cesario Régis, no bairro São Pedro (segunda-feira), nas escolas Carlos Maffezzolli e João Jensen, no Centro (terça-feira), na Escola Artur Wippel, nos bairros Planície Alta e Lageado Alto (quarta-feira), na escola e no salão da igreja Católica, no Pomerãnea (quinta-feira), na Escola Paulo Schmidt.

"Mantemos aberto, ainda, o Centro de Triagem e vemos que a procura é pequena. Apenas 63 na semana passada. Os números diminuíram bastante", destaca ela, afirmando que nas últimas horas, apenas duas pessoas testaram positivo no local.

Para realizar os testes, basta levar  a carteira de identidade e um comprovante de residência. A aplicação segue até dia 17.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões