Retorno das aulas presenciais ainda é muito incerto, diz secretária

O setor de educação municipal de Brusque aguarda novas orientações do governo do estado para retornar com as aulas presenciais. O Decreto que suspende as mesmas expira no dia 12 de outubro.

A secretária municipal da Educação, Eliani Aparecida Busnardo Buemo, disse que foi formada uma Comissão Intersetorial para discutir os protocolos para isso na cidade. O trabalho consiste em elaborar um plano para a educação infantil e fundamental, e que será apresentado às autoridades sanitárias.

“Conversamos sobre essas diretrizes que estão sendo apresentadas. Fizemos antecipadamente a entrega dessas diretrizes para que pudessem avaliar. Vamos ver se de fato tudo aquilo que está ali contempla”, destaca ela.

Entre as medidas estão o retorno de 30% dos alunos, começando pelos com mais idade, rodízio de estudantes a cada duas semanas, bem como aferição da temperatura na entrada das escolas, entre outras.

Além disso tudo, a secretária lembra que será preciso fazer levantamento acerca das pessoas na família das crianças que estão dento de grupos de risco de contágio da Covid-19 ou são portadoras de problemas de saúde.

Outro item importante é a questão pedagógica. A dúvida será sobre como trabalhar com o rodizio de alunos, ou seja, um período na escola e outro com aulas online.

“Temos que dar conta por meio da avaliação diagnosticar o quanto esse aluno aprendeu nesse período. Porque é direito dele aprender”, destaca ela.

Para ela, embora haja um percentual significativo de famílias que são contra a retomada das aulas presenciais, os gestores têm a obrigação de pensar na possibilidade de isso ocorrer.

Uma pesquisa feita junto aos familiares em julho, 70% não quer o retorno das aulas presenciais. O mesmo se repete com os profissionais da educação.

“Vai ser obrigado a voltar aquele pai que não quer? Não sei. Nesse momento, de fato, eu não sei. Tenho visto algumas redes que colocam dentro das diretrizes o primeiro item os pais tendo que se responsabilizar pela volta. Eu não tenho ainda certa que essa seja uma medida legalmente possível. Há ainda uma incerteza porque as coisas estão se construindo”, afirma.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Mais de 50 novos casos de Covid-19 são registrados em Brusque

A Vigilância em Saúde de Brusque registrou 53 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas. Segundo o último boletim epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (3) agora são 4.783 diagnósticos positivos. Destes, 4.533 são considerados recuperados e 199 ativos. Atualmente, 186 casos estão sendo investigados e 960 moradores são monitorados em suas residências. No hospital estão internados quatro pacientes em...
Continuar lendo...

Autor de homicídio no Rio Branco deve se apresentar nos próximos dias, diz delegado

O Delegado de Polícia Civil Alex Reis, responsável pela investigação sobre o homicídio da última segunda-feira (14) no bairro Rio Branco, em Brusque afirma que a polícia já está em estado avançado quanto a investigação. Segundo ele, o autor já foi identificado e pode se apresentar a polícia nos próximos dias . O delegado afirma que já foram inquiridas as principais testemunhas. O...
Continuar lendo...

Uma data mais que especial para a Apae de Brusque

A segunda-feira (14) é especial para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Brusque (Apae). Fundada em 14 de setembro de 1955, ela completa, nesta data, 65 anos de fundação, sendo a segunda Apae criada no Brasil e a primeira em Santa Catarina. A entidade nasceu da iniciativa do médico Carlos Moritz e de sua esposa, Ruth de Sá Moritz, que buscavam recursos para melhor atender Pierre, seu segundo filho. O Rio de Janeiro (RJ), cidade...
Continuar lendo...