Assassina premeditou crime durante dois meses, diz polícia

A frieza da assassina da professora Flavia Godinho Mafra (24), em Canelinha, chamou atenção a polícia durante o depoimento dela na manhã desta sexta-feira (28). O delegado Paulo Fresleyben, que a ouviu, conseguiu extrair que o crime estava premeditado há, pelo menos, dois meses.

“Ela criou uma narrativa muito fraca, a qual sendo confrontada com os fatos seria derrubada. Conseguimos fazer a ligação de que a última pessoa com que a vítima teve contato foi com a autora”, disse o delegado.

A polícia apurou que a autora, que não teve o nome revelado, decidiu quem seria a vítima pela proximidade que tinham.  Eram amigas de longa data. Tanto que Flavia confiou em ir até uma cerãmica abandonada na região do bairro Galera, onde foi morta de maneira brutal a golpes de tijolos na cabeça.

O casal preso não tem passagem pela polícia, embora, segundo o delegado, haja algumas situações registradas por ameaça e agressão. Os dois serão autuados em flagrante por homicídio triplamente qualificado, ocultação de cadáver e lesão corporal gravíssima na criança.

A polícia vai continuar as investigações para verificar se houve a participação de outras pessoas no crime.

A Rádio Cidade esteve presente na coletiva de imprensa em Tijucas esta tarde. Nela, a Freylesben e o capitão da PM Marcio Favoretto, acompanhados de outros membros das duas polícias, relataram todos o detalhes de como o crime foi executado, bem como a localização o corpo e as prisões dos responsáveis.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Fiscal descobre alteração para registro de menor consumo de energia em uma empresa

A Polícia Militar de Brusque foi acionada na manhã de ontem, quarta-feira, para atender a um caso de estelionato do consumo de energia elétrica. O fiscal da Celesc fazia vistoria de rotina, quando detectou alteração no registro de energia de uma empresa na cidade de Brusque. Foi quando acionou a PM. Segundo ele, o equipamento foi alterado para registrar um consumo menor do que o real. Isso já teria ocorrido no mesmo local, pelo menos,...
Continuar lendo...

Homem é agredido a socos e golpes de madeira

Um homem de 32 anos de idade foi agredido a socos e golpes de madeira na cabeça. O fato ocorreu na tarde desta terça-feira (22), no bairro Limoeiro, já no perímetro de Itajaí, divisa com Brusque. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima foi encontrada sentada junto à calçada na Rua Anselmo Knihs. O homem apresentava cortes na região da cabeça, além de ferimentos em outras partes do corpo. Com dores, ele foi...
Continuar lendo...

Sessão na AL julga impeachment de Carlos Moisés

Nesta sexta-feira (23) acontece a sessão na Assembleia Legislativa de SC em que julga o impeachment do governador, Carlos Moisés da Silva, e de sua vice, Daniela Reinehr. Os trabalhos iniciaram durante a manhã de hoje, por volta das 09h, sendo dado um pequeno intervalo para o almoço, e os trabalhos serão retomados a partir das 14h desta sexta.   O julgamento de hoje trata do pedido aprovado em setembro pela maioria dos deputados, em que acusa Carlos...
Continuar lendo...