Vistorias em veículos escolares serão feitas de ano em ano

A Câmara de Vereadores de Brusque aprovou na sessão virtual desta terça-feira (9) um projeto de lei que amplia de seis meses para um ano o período das vistorias obrigatórias nos veículos especiais, como os de transporte escolar. A proposta é de autoria do vereador Rogério dos Santos (DEM) e recebeu aval de todos os parlamentares.

Na prática, o projeto altera um dos pontos da lei 3.645, de 2013, que trata do assunto. A intenção, de acordo com o autor, é de reduzir a burocracia em torno do serviço, atingindo mera formalidade de documento que possa facilitar a vida dos que executam a atividade.

“No momento presente, em decorrência do Covid-19, o primeiro semestre do ano ficou comprometido, com a frota, praticamente, paralisada, sendo desnecessária uma segunda vistoria”, afirmou ele.

Remanejamento de recursos no orçamento

Também na sessão desta terça-feira, os vereadores aprovaram um remanejamento de recursos no orçamento geral do município. O montante, na ordem de R$ 19,2 milhões, é destinado ao Samae. O argumento do governo é de que a obra de construção da estação de tratamento da Cristalina, ainda na fase de elaboração do projeto, requer o aporte.

A oposição não gostou. Principalmente por conta do regime de urgência apelo qual o projeto deu entrada na casa. Mesmo diante dos argumentos e das queixas, a proposta foi aprovada por 8 votos a favor e 5 contrários.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões