Justiça tira sigilo do inquérito sobre os respiradores

A pedido do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), o Juízo da Vara do Crime Organizado da Capital retirou neste domingo  (7/6)  o sigilo dos autos judiciais da segunda etapa da Operação O2, que cumpriu no sábado pela manhã cinco dos seis mandados de prisão preventiva expedidos - um ainda está pendente de cumprimento - e 14 mandados de busca e apreensão em cinco municípios dos Estados [do] de Santa Catarina, Rio de Janeiro e de São Paulo.

O pedido para tornar público o processo judicial  foi feito por Promotores de Justiça que atuam na Força-tarefa que apura supostos crimes contra a administração pública ocorridos em processo de dispensa de licitação para aquisição emergencial pelo Estado de 200 respiradores ao custo de R$ 33 milhões pagos de forma antecipada, sem a exigência de qualquer garantia e sem as mínimas cautelas quanto à verificação da idoneidade e da capacidade da empresa vendedora.

"Há evidente interesse público  no conhecimento dos fatos ora em apuração, especialmente porque envolvem a possibilidade de malversação de substancial montante de recursos públicos, que deveria ter sido empregado para aquisição de equipamentos para auxiliar no tratamento dos acometidos pela COVID-19. E também  em homenagem ao princípio constitucional da publicidade dos atos administrativos e da transparência da atuação dos órgãos públicos", argumentaram os integrantes da Força-tarefa ao requererem a retirada do sigilo.

Na primeira fase da Operação O2, foram cumpridos 36 mandados de busca e apreensão. Ao todo foram apreendidos 19 celulares, 17 computadores e mais 33 mídias eletrônicas diversas - HD, pendrive, tablet. Desde então, já foram colhidos 41 depoimentos e interrogatórios, o que totaliza 40 horas e 41 minutos só de áudio.

As investigações apuram possíveis crimes de fraude no processo de aquisição dos respiradores - que sequer foram entregues -, peculato, organização criminosa, utilização de empresa de fachada e lavagem de dinheiro. 

Autos: 5040138-11.2020.8.24.0023

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

URGENTE: homem é esfaqueado na rua em Brusque

Um homem de 23 anos de idade foi esfaqueado no final da manhã desta quinta-feira (24) no bairro Águas Claras, em Brusque. Segundo informações repassadas pela equipe do SAMU, ele foi encontrado caído na calçada. Ainda de acordo com os socorristas, o homem apresentava um ferimento na altura do tórax, com cerca de 5 cm de profundidade. Ele havia perdido muito sangue, mas estava sendo atendido por populares quando a equipe Chegou. O homem foi...
Continuar lendo...

(VÍDEO) Coronavírus em Brusque: "Vai até setembro", diz Fornari

Os reflexos da pandemia do novo Coronavírus deve se estender até meados de outubro. É o que acredita o secretário municipal de Saúde de Brusque, Humberto Martins Fornari. Ele falou a respeito do caso em entrevista ao programa Rádio Revista Cidade, da Rádio Cidade, desta quinta-feira (23). De acordo com Fornari, Brusque está em uma curva crescente quanto ao número de casos e isso deve se intensificar até, pelo menos, a...
Continuar lendo...

URGENTE: homem é esfaqueado e morre em Brusque

Um homem de 30 anos foi esfaqueado e morreu no começo da tarde deste sábado no Bairro Planalto em Brusque. Equipes do SAMU foram acionados por volta das 12:15 e já Encontraram o homem sem vida, com ferimentos por arma branca. AInda não há muitas informações acerca do ocorrido. O Instituto Geral de Perícias foi acionado para recolher o corpo, bem como as polícias civil e militar para coletar as primeiras informações.
Continuar lendo...