Rua Carlos Ristow estará interditada para sequência de obra na Padre Antonio Eising

A partir desta segunda-feira (08) a rua Carlos Ristow, na localidade da Rainha, bairro Azambuja, vai estar interditada para a realização de obras de drenagem. As equipes da empresa Pacopedra, empresa licitada para a obra, vão estar trabalhando na colocação de drenagem pluvial com tubos de 1,50 de diâmetro, no trecho entre a ruas Carlos Ristow e Rua José Beuting. 

A programação estimada para os trabalhos é de uma semana, caso as condições climáticas permitam. Os moradores e motoristas devem estar atentos, já que devido à complexidade da obra será necessário a interdição da pista sem a possibilidade de trafegar no local durante a execução dos serviços. Além disso, o trânsito vai ser desviado da rua Carlos Ristow no sentido centro bairro e também bairro centro, na sinaleira do Paquetá. As equipes da secretaria de Trânsito vão estar na localidade para orientações.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Marreco realiza último treino antes do confronto em São Paulo

Na tarde desta terça-feira (11), o Brusque Futebol Clube fez seu último treino antes de viajar, nas dependências do América, no bairro Steffen. O técnico Jerson Testoni, que tem como desfalque o atacante Edu, aproveitou para fazer treinos de finalizações e jogadas de ataque contra defesa. A tendência é que o centroavante Johnny comece de titular pela primeira vez, desde a sua chegada. Outro destaque nos treinos...
Continuar lendo...

Santa Catarina e BNDES avançam no projeto de concessão das Unidades de Conservação do estado

Preservação ambiental, turismo sustentável, geração de renda e desenvolvimento regional são os focos do Programa de Estruturação de Concessões de Unidades de Conservação. Pelo contrato firmado entre o Instituto do Meio Ambiente (IMA) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com a interveniência da SC Participações e Parcerias S.A. (SCPAR), o projeto avança para...
Continuar lendo...

Tribunal extingue ação que pedia bloqueio de contas do Flamengo por incêndio no Ninho

A 9ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ) decidiu extinguir hoje (9), sem resolução de mérito, a ação cautelar impetrada pelo Ministério Público do Trabalho no Rio de Janeiro (MPT/RJ) que pedia o bloqueio de R$ 100 milhões das contas do Flamengo, para garantir possíveis pagamentos de indenizações das vítimas do incêndio no centro de treinamento do clube de futebol,...
Continuar lendo...