Retorno das aulas presenciais em Brusque deve ser com cautela

O retorno das aulas presenciais é visto com cautela pela secretária municipal de Educação de Brusque, Eliani Aparecida Busnardo Buemo. A intenção do governo estadual é editar um decreto que autorize a volta em meados de agosto, mas ela acredita que isso deva ocorrer somente após minuciosa avaliação sobre o cenário da pandemia.

“Acredito que essa volta tenha que ser uma volta planejada. Em um primeiro momento, terá de ser de acolhimento. Isso porque as pessoas não voltarão como saíram em março. Paciência é uma questão que precisa estar presente, sem atropelos. Porque, acima de tudo, tem que estar a preservação da vida”, destaca ela.

E essa preocupação é latente por conta de áreas onde controlar a ação das crianças é algo complexo. Como na educação infantil, por exemplo, que possui em torno de 14% dos alunos da rede.

Tecnologia: mundo sem volta

Desde o dia 4 de abril, as atividades presenciais nas escolas da cidade estão suspensas. Com isso, todo conteúdo vem sendo ministrado de forma WhatsApp e material impresso.

Segundo a secretária, dos 7,4 mil alunos da rede municipal, 95% estão tendo aula online. Destes, cerca de 65% via Moodle e um número próximo de 35% via WhatsApp. Há um número de 24 estudantes que não tem sido localizado pelo setor de educação de que não estão realizando as aulas sob nenhuma forma.

“É preciso que fique registrado que o aluno não aprendeu para que na volta se veja como recuperar. Nossa intenção é de minimizar os impactos dessa situação”, frisa Eliani.

Semanalmente, as escolas fazem o levantamento de como está a situação dos alunos com as aulas online.

A secretária de Educação afirma que a mudança será drástica não apenas para os alunos, mas para os professores também.

“Os professores não poderão mais se distanciar da tecnologia. A tecnologia, a partir de agora, vai fazer parte de todos os procedimentos pedagógicos que existem”, frisa ela.

Merenda escolar

Eliani relata que já forma entregues em torno de 1,5 mil kits de merenda escolar às famílias que têm direito ao benefício. O recurso é do governo federal e a secretaria segue fazendo o cadastro para a entrega.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Direção do Brusque FC faz planejamento para nova temporada

Após encerrar a temporada 2020 com acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro deste ano vaga para Copa do Brasil 2021, a direção do Brusque se reúne nesta segunda-feira (18) para alinhar o planejamento da nova temporada. Na pauta, a reapresentação do elenco que irá disputar o Campeonato Catarinense a partir de 24 de fevereiro. A avaliação do elenco, renovações de contrato e futuras...
Continuar lendo...

Barroso: falha em computador provocou atraso na divulgação da apuração

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, disse há pouco que uma falha em um computador provocou atraso na divulgação dos resultados da apuração do primeiro turno. Por volta das 21h40, cerca de 63% dos votos tinham sido computados.  Segundo o ministro, os dados dos tribunais regionais eleitorais foram recebidos pelo tribunal, mas ocorreu uma falha no processador de um supercomputador e foi preciso fazer a...
Continuar lendo...

Sessão na AL julga impeachment de Carlos Moisés

Nesta sexta-feira (23) acontece a sessão na Assembleia Legislativa de SC em que julga o impeachment do governador, Carlos Moisés da Silva, e de sua vice, Daniela Reinehr. Os trabalhos iniciaram durante a manhã de hoje, por volta das 09h, sendo dado um pequeno intervalo para o almoço, e os trabalhos serão retomados a partir das 14h desta sexta.   O julgamento de hoje trata do pedido aprovado em setembro pela maioria dos deputados, em que acusa Carlos...
Continuar lendo...