Retorno das aulas presenciais em Brusque deve ser com cautela

O retorno das aulas presenciais é visto com cautela pela secretária municipal de Educação de Brusque, Eliani Aparecida Busnardo Buemo. A intenção do governo estadual é editar um decreto que autorize a volta em meados de agosto, mas ela acredita que isso deva ocorrer somente após minuciosa avaliação sobre o cenário da pandemia.

“Acredito que essa volta tenha que ser uma volta planejada. Em um primeiro momento, terá de ser de acolhimento. Isso porque as pessoas não voltarão como saíram em março. Paciência é uma questão que precisa estar presente, sem atropelos. Porque, acima de tudo, tem que estar a preservação da vida”, destaca ela.

E essa preocupação é latente por conta de áreas onde controlar a ação das crianças é algo complexo. Como na educação infantil, por exemplo, que possui em torno de 14% dos alunos da rede.

Tecnologia: mundo sem volta

Desde o dia 4 de abril, as atividades presenciais nas escolas da cidade estão suspensas. Com isso, todo conteúdo vem sendo ministrado de forma WhatsApp e material impresso.

Segundo a secretária, dos 7,4 mil alunos da rede municipal, 95% estão tendo aula online. Destes, cerca de 65% via Moodle e um número próximo de 35% via WhatsApp. Há um número de 24 estudantes que não tem sido localizado pelo setor de educação de que não estão realizando as aulas sob nenhuma forma.

“É preciso que fique registrado que o aluno não aprendeu para que na volta se veja como recuperar. Nossa intenção é de minimizar os impactos dessa situação”, frisa Eliani.

Semanalmente, as escolas fazem o levantamento de como está a situação dos alunos com as aulas online.

A secretária de Educação afirma que a mudança será drástica não apenas para os alunos, mas para os professores também.

“Os professores não poderão mais se distanciar da tecnologia. A tecnologia, a partir de agora, vai fazer parte de todos os procedimentos pedagógicos que existem”, frisa ela.

Merenda escolar

Eliani relata que já forma entregues em torno de 1,5 mil kits de merenda escolar às famílias que têm direito ao benefício. O recurso é do governo federal e a secretaria segue fazendo o cadastro para a entrega.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

(Vídeo) Abordagem violenta de guardas repercute mal em Itajaí

Imagens de uma abordagem truculenta de agentes de trânsito repercutiu mal para a Guarda Municipal de Itajaí (GMI). Nelas, um homem é rendido e colocado no chão, ao mesmo tempo que leva golpes de cassetetes. Ele caiu depois de ser atingido por um golpe de outro agente na abordagem. A ação aconteceu na madrugada de domingo (14) e o vídeo circulou por mídias sociais esta manhã. O agente acerta o homem, que acabara de descer de uma...
Continuar lendo...

Guabiruba confirma mais três e chega a 33 casos de Covid-19

A cidade de Guabiruba registrou ontem, segunda-feira (29), mais três casos de Covid-19. Com isso, a cidade chega, desde o começo da pandemia, a 33 pessoas infectadas pela doença. Destas, 15 estão recuperadas. De acordo com a Secretaria da Saúde, os três casos são de um homem de 55 anos, uma mulher de 50 e outra de 62 anos. Todos estão sendo tratados em domicílio e passam bem. Os dados de Guabiruba mostram, ainda, que...
Continuar lendo...

Brusque registra novos casos de Coronavírus nesta segunda-feira

A cidade de Brusque possui nesta segunda-feira (1) cinco novos casos da de Covid-19, totalizando 156. Destes 84 já estão recuperados. São 17 exames que estão sendo analisados, aguardando resultados de testes. Os monitorados em casa são 167. Quem apresentar sinais de gripe como coriza, tosse, catarro e falta de ar, pode procurar atendimento médico no Centro de Triagem para Sintomáticos Respiratórios, que atende de segunda...
Continuar lendo...