Campanha busca conscientização sobre abuso e exploração sexual

O dia  18 de maio é o dia Nacional de combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.  A data foi instituída pela Lei n° 9 970,000, quando em 18 de maio de 1973 uma menina chamada Araceli, na cidade de Vitória (ES), com apenas oito anos de idade foi drogada, espancada, estuprada e morta. A comoção sobre o caso gerou uma data importante para a sociedade.

E com a quarentena, a casa, que deveria inspirar tranquilidade e proteção, pode ser também um espaço de violência, como explica o secretário de Assistência Social e Habitação da Prefeitura de Brusque, Odair Bózio.

“Estamos vivendo uma quarentena, época de quarentena as denúncias, querendo ou não estão menores, estão retraídas, pelo fato das pessoas estarem em casa. Antes da quarentena, de certa forma, tínhamos  uma forma de fiscalizar, que são as escolas  e a sociedade em geral, com a quarentena, as crianças e as pessoas, elas ficam mais retidas e acabam não denunciando. É muito importante que as pessoas denunciem, não podemos nos esconder e nos omitir neste momento,” disse.     

O presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA, Kevin Willian Siqueira dos Santos, destacou que o conselho Tutelar de Brusque está pronto para atender a população. “O conselho tutelar, na sede, está atendendo de segunda a sexta-feira do meio dia às seis, com as portas fechadas, a população precisa aguardar fora, mas vai chamar o conselheiro que vai atender ou pode ligar.” Quem quiser entrar em contato por telefone pode ligar no 3351-0113 ou no celular 98846-1777, número 24h para atendimento.  

Como denunciar, sem sair de casa?

Além do Conselho Tutelar, para realizar uma denúncia, basta discar 100. O atendimento funciona 24 horas, todos os dias da semana. Após a ligação, a denúncia é encaminhada para os órgãos competentes para que seja feita a investigação.
Também existe o aplicativo Direitos Humanos BR, o aplicativo apresenta um passo a passo completo para que o denunciante registre a reclamação de maneira prática e
segura.
Após fazer um breve cadastro, o denunciante pode registrar violências contra mulheres, crianças ou adolescentes, pessoas idosas, pessoas com deficiência e outros grupos
sociais. Há também a opção de anexar arquivos, como fotos e vídeos.

Dê sua opinião, antes leia os Termos de Uso
Dúvidas ou Sugestões

Parlamentares anunciam mais de R$ 1,3 milhão a Brusque

Os hospitais de Azambuja e Dom Joaquim foram contemplados nas últimas semanas com valores de verbas federais, destinadas através de emendas parlamentares. Para o Dom Joaquim, a deputada catarinense Caroline de Toni (PSL) destinou R$ 500 mil, enquanto que o senador Jorginho Melo (PL) anunciou outros R$ 500 mil ao Azambuja. De acordo com as assessorias dos dois parlamentares, os recursos já foram destinados à conta do Fundo Municipal de Saúde, a quem compete...
Continuar lendo...

Mulher é agredida com ferro de passar por conta de carregador de celular

Uma mulher foi agredida com um ferro de passar, além de socos e pontapés na noite de ontem, quarta-feira (9), em Nova Trento. O autor é o próprio esposo da vitima. De acordo com a Policia Militar, uma guarnição foi acionada para deslocar no Trinta Reis. Lá, em contato com a vítima, ela informou que seu companheiro, ao chegar do trabalho, após pedir um carregador de celular que não foi localizado por ela, começou a...
Continuar lendo...

Surpresa indigesta desagrada cúpula do Republicanos

Causou surpresa o rompimento do empresário Michel Belli (PSC) com o grupo político do vereador Paulinho Sestrem (Republicanos), do qual foi anunciado como pré-candidato a vice-prefeito na chapa. Ontem, quinta-feira (24), Belli selou apoio à candidatura do ex-prefeito Ciro Roza (Podemos). O presidente do Podemos, Heinz Roberto Lombardi, confirmou que Belli passa a fazer parte do grupo político que apoia a pré-candidatura de Roza a...
Continuar lendo...